História de Alcácer do Sal em destaque em Palmela

Estimated read time 2 min read

Alcácer do Sal

Conferência em Palmela colocou história de Alcácer do Sal em grande plano 

A história ligada ao Convento de Aracoeli (Castelo de Alcácer do Sal), os enterramentos da Capela do Tesouro e a própria Igreja do Senhor dos Mártires estiveram em evidência no âmbito da realização do IX Encontro Internacional sobre Ordens Militares, realizado no Cine-Teatro S. João e na Biblioteca Municipal de Palmela entre os dias 25 e 29 de outubro (quarta-feira e domingo passados). Subordinada ao tema “As Ordens Militares.

Do Convento e da Guerra para o Mundo”, a iniciativa teve o “ponto alto” no sábado (dia 28) com a abordagem ao tema “Ordens Militares: Arte, Arqueologia e Cultura”, que proporcionou intervenções de três oradores/as sobre a história de Alcácer: a historiadora Maria Teresa Lopes Pereira (Instituto de Estudos Medievais – Universidade Nova de Lisboa), com a apresentação “Do culto de Santiago no convento espatário de Alcácer à sua continuidade no mosteiro de Aracoeli”, a arqueóloga do Município de Alcácer, Rita Balona, com “Os enterramentos da Capela do Tesouro, na igreja-panteão da Ordem de Santiago, em Alcácer do Sal” e o professor Mário Barroca (Universidade do Porto – FL), com “Esporas de cavaleiro exumadas na Igreja do Senhor dos Mártires – Alcácer do Sal”. 

Este evento científico quadrienal é um momento de grande prestígio internacional, relativamente à história das ordens religioso-militares, e é promovido pelo Gabinete de Estudos sobre a Ordem de Santiago (GEsOS) do Município de Palmela.