Ministro da Agricultura vai receber da ACOS uma lista com os problemas do setor

Estimated read time 2 min read

ACOS,

Ministro da Agricultura vai receber da ACOS uma lista com os problemas do setor

Depois de vários políticos terem marcado presença na Ovibeja, que terminou no domingo passado, a Associação de Agricultores do Sul (ACOS) está a elaborar uma lista que engloba os problemas atuais que os agricultores enfrentam atualmente no Alentejo.

De recordar que o anterior governo, liderado por António Costa, e com Maria do Céu Antunes na pasta da agricultura, não reuniu o consenso entre agricultores. Exemplo disso foi a manifestação que houve a nível nacional  por parte dos agricultores, em Fevereiro deste ano, e que demonstrou a insatisfação dos profissionais para com o governo anterior face ao corte de apoios.

Ora novo governo, novas medidas, e segundo Luís Montenegro, primeiro-ministro, o objetivo é agora aproximar os agricultores do Ministério da Agricultura e haver um consenso entre ambas partes.

Em declarações aos meios de comunicação, Rui Garrido, presidente da ACOS, refere que aquando a vinda de Montenegro à Ovibeja, falou-lhe nos problemas atuais do setor na qual o recém eleito primeiro-ministro lhe pediu para enviar por escrito todas as dificuldades que vivem atualmente.

A carga burocrática excessiva do PEPAC, a redução das ajudas, a perda de importância do Ministério da Agricultura ou até o olival não estar elegível para investimento na zona do EFMA – Empreendimento de Fins Múltiplos do Alqueva, são alguns dos problemas elencados por Rui Garrido e que vão constar na lista que José Manuel Fernandes, Ministro da Agricultura e Pesca, irá receber nestes dias.