Município de Mértola investe 80 mil euros para recuperar coelho-bravo e lebre ibérica

Estimated read time 2 min read

Mértola

Município de Mértola investe 80 mil euros para recuperar coelho-bravo e lebre ibérica

Em parceria com uma empresa especializada em criação de Coelho-bravo e Lebre-ibérica, a Câmara Municipal de Mértola iniciou um projeto que tem como objetivo recuperar estas espécies nas suas respectivas zonas.

Segundo as informações retiradas do site do município, o projeto consiste em quatro etapas, das quais duas já foram concluídas. As fases já finalizadas consistiram em criar condições físicas para quatro parques, situados na Zona de Caça Municipal, e a outra fase foi proceder à mudança dos animais para estes respetivos lugares. As próximas etapas consistirão em repovoar a Zona da Caça Municipal com os animais criados nesses parques e a última etapa consiste em levar este modelo para outras zona de caça no concelho de Mértola.

Etapas que fazem parte do projeto de Recuperação de Lebre Ibérica e Coelho Bravo (PRLIC) e que terá um custo de 80 mil euros.

De relembrar, que as populações destas espécies tem tido um decréscimo entre 70 a 90%, algo que acontece a nível nacional. Em Mértola, e como refere o município, “na origem do projeto está o aumento de casos de doença hemorrágica viral e de mixomatose entre as populações de lebre ibérica e coelho bravo existentes no concelho, causando elevadas taxas de mortalidade nas duas espécies”.

Uma projeto que prentende a preservação da caça e da biodiversidade do território.

AS MAIS IMPORTANTES DO DIA