Siga-nos

Últimas

Vinho pode sair da Roda dos Alimentos

Em causa estão estudos recentes que demonstraram que não há qualquer nível de ingestão de álcool que possa ser considerado seguro. 

TDS noticias

Publicado

em

A Direção Geral de Saúde entre outras entidades na área da saúde vão discutir a retirada do vinho da roda dos alimentos. 

A versão da roda da alimentação mediterrânica, de 2016, inclui uma referência ao consumo moderado de vinho,.

Em causa estão estudos recentes que demonstraram que não há qualquer nível de ingestão de álcool que possa ser considerado seguro. 

Esta é uma das principais medidas que faz parte do Relatório Anual do Programa para a Promoção da Alimentação Saudável.

No seu roteiro de ação para 2019-20, o programa prevê a revisão da roda dos alimentos, defendendo genericamente o “desenvolvimento de um novo guia alimentar para a população portuguesa”, já que o anterior tem já mais de 15 anos, foi desenvolvido em 2003. 

Depois dessa data, e com base no documento do início do século, foi apenas desenvolvida a roda dos alimentos mediterrânica, que pretendia destacar os produtos mais característicos do nosso padrão cultural e onde o consumo moderado de vinho aparecia.

 A Organização Mundial da Saúde atualmente recomenda consumo zero”, apesar do folheto explicativo da roda dos alimentos portuguesa de 2003 ainda se ler que os adultos podem consumir bebidas alcoólicas sem risco, acompanhando essa informação com as quantidades admissíveis para homens (dois copos pequenos de vinho por dia) e mulheres (um copo de vinho).

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Crime

Graduado da GNR ‘agride’ jornalistas na via pública

Sargento mexe em câmaras de filmar e agride verbalmente jornalistas em trabalho

TDS noticias

Publicado

em

Incidente aconteceu no último domingo junto a uma pedreira em Bencatel, Vila Viçosa.

O graduado da GNR inicialmente tentou que os próprios repórteres colocassem as câmaras na viatura da GNR e depois foi o próprio a retirar o material de trabalho dos jornalistas para fora do local aonde se encontravam.

O grupo de jornalistas de várias estações de televisão faziam a reportagem da queda de um trabalhador numa pedreira em Bencatel.

Todos os jornalistas estavam fora do perímetro de segurança, colocado no dia anterior pela GNR, e em plena via pública aberta ao trânsito e a residentes.

O militar pretendia que os jornalistas não registassem o momento da retirada do corpo da pedreira.

No dia anterior a 2.ª comandante distrital de operações de socorro de Évora, Maria João Rosado, já tinha definido, com os jornalistas, a forma como atuar no momento da retirada da vítima.

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Novembro 2019
S T Q Q S S D
« Out    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul