Siga-nos

Agenda

Vigília pela Cultura em 12 locais entre eles Évora, Setúbal e Almada.

Grupo informal de profissionais da cultura e das artes vai promover vigília dia 21 maio.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Um grupo informal de profissionais da cultura e das artes vai promover uma vigília (Vigília Cultura e Artes) no próximo dia 21 de maio.

“A vigília vai acontecer, em Lisboa; na Madeira (Funchal), em Faro, nas Caldas da Rainha, em Setúbal, no Porto, em Aveiro, em Vila do Conde, em Santa Maria da Feira, em Almada, em Coimbra e em Évora.”

Esta  em frente ao Templo Romano, das 9h as (falta  saber o horario do ultimo turno) .

Esta é uma ação consciente e cumpre as normas de segurança em vigor por conta do estado de calamidade devido à pandemia covid-19.

Será, por isso, dividida em turnos de 10 pessoas que se vão revezando, fazendo assim cumprir a regra do distanciamento social.

A Vigília Cultura e Artes pretende;

– visibilizar a luta travada por todos os profissionais da cultura e das artes que ficaram sem qualquer fonte de rendimento

– dar destaque  as escassas medidas implementadas pelo Estado e Ministério da Cultura, 

– chamar a  atençao para  a  falta  de  apoios suficientes para  os profissionais do sector

. Exigir uma estratégia a curto, médio e longo prazo para a cultura.

– A aprovação de um fundo de emergência efetivo

– o reconhecimento das profissões ligadas à cultura, a criação de um estatuto que garanta uma proteção eficaz a todos os que nelas trabalham e a criação de uma política cultural ajustada às necessidades do setor são algumas das reivindicações que estão na base desta vigília.

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Agenda

Praia fluvial de Monsaraz abre a 10 junho

A praia fluvial de Monsaraz foi inaugurada em 2017 e todos os anos recebeu a bandeira azul. Em 2019, foi atribuído à praia o primeiro prémio da Praia + Acessível, no âmbito do programa “Praia Acessível – Praia para Todos”.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Devido à pandemia de covid-19, o Município de Reguengos de Monsaraz decidiu não abrir no verão as piscinas municipais da cidade e optou pela implementação de melhores condições de segurança e de conforto para os banhistas na praia fluvial.

“A abertura da época balnear na praia fluvial de Monsaraz vai acontecer no dia 10 de junho.”

A autarquia vai colocar uma camada de areia mais fina em toda a praia e está a analisar a criação de novas zonas de sombreamento e para guarda-sóis.

A praia de Monsaraz terá as bandeiras verdes, amarelas e vermelhas que vão indicar a ocupação da praia, haverá uma zona de isolamento e vão ser cumpridas todas as regras de segurança definidas pelo Ministério do Ambiente e pela Direção-Geral da Saúde.

A câmara municipal não vai instalar este ano a piscina flutuante e não será permitido o estacionamento de viaturas fora do parque delimitado.

O galardão é conferido desde 2005 pelo Instituto Nacional para a Reabilitação, pela Agência Portuguesa do Ambiente e pelo Turismo de Portugal às zonas balneares que se destacam pelas condições de acessibilidade, segurança, autonomia, conforto e independência que proporcionam às pessoas com mobilidade condicionada.

Assim, a praia de Monsaraz tem a bandeira azul, a bandeira de Praia Acessível e a classificação de Praia Saudável por ter as devidas normas de segurança e de qualidade do ambiente.

A praia tem 150 metros de extensão, uma torre de vigilância e posto para os nadadores salvadores, posto médico com desfibrilhador automático externo, duches públicos, cadeiras anfíbias, rampas de acesso à água para utilizadores com dificuldades de mobilidade e estacionamento para 500 lugares, incluindo para veículos de pessoas com mobilidade reduzida.

A zona da praia dispõe também de um espaço relvado adjacente ao estacionamento que faz a ligação ao areal. Neste relvado há sombreamentos e o areal tem toldos, para além das árvores existentes no local.

Os veraneantes podem ainda usufruir das infraestruturas do Centro Náutico de Monsaraz, nomeadamente um bar/restaurante, parque infantil, zona de merendas, ancoradouro e rampa para acesso dos barcos à água.

Na praia há também espaços para venda de artigos de praia, bebidas, comida rápida e gelados e os operadores disponibilizam passeios de barco e desportos náuticos.

Continuar a ler

Copyright © 2020 TDS - Rádio e Televisão do Sul | redação: info@televisaodosul.pt 266702926 |Comercial: dialogohabil@gmail.com Publicidade site | rádio: 917278022

error: Content is protected !!