Siga-nos

Crime

Veículos pesados na ‘mira’ da GNR de Évora. 37 infrações em tacógrafos numa semana.

  Atividade operacional semanal da GNR de Évora

TDS

Publicado

em

O Comando Territorial de Évora levou a efeito um conjunto de operações, no distrito de Évora, na semana de 2 a 8 de setembro, que visaram a prevenção e o combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

1.     Detenções: Oito detidos em flagrante delito,destacando-se:

·         Cinco por condução sob o efeito do álcool;

·         Três por condução sem habilitação legal para conduzir.

2.     Trânsito:

Fiscalização: 468 infrações detetadas, destacando-se:

·         49 por excesso de velocidade;

·         37 relacionadas com tacógrafos;

·         Oito por falta de inspeção periódica obrigatória;

·         12 por anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização;

·         Três por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei.

Sinistralidade: 24 acidentes registados, destacando-se:

·         Um ferido grave;

·         Cinco feridos leves.

3.     Fiscalização Geral:

·         16 no âmbito da legislação policial;

·         Um auto de contraordenação no âmbito da legislação da proteção da natureza e do ambiente.

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Crime

Homem continua em fuga após disparar contra ex mulher e ex sogra. (veja vídeo com o local do crime)

A mulher, de 54 anos, estará livre de perigo, enquanto o estado de saúde da sua mãe, Maria Margarida (73), que também foi alvejada, inspira mais cuidados.

TDS

Publicado

em

Por

Duas mulheres, mãe e filha, de 54 e 73 anos, ficaram feridas com gravidade depois de o ex-marido da mais nova as ter baleado, na aldeia da Cumeada, em Reguengos de Monsaraz

O caso está entregue à Policia Judiciária. O suspeito, ex-marido da mulher de 54 anos, ainda está em fuga.

As duas vítimas foram inicialmente transportadas para o Hospital de Évora, mas devido à gravidade dos ferimentos, foram depois para Lisboa: uma deu entrada no hospital de Santa Maria e outra no de São José.

O ex-casal terá vivido durante largos anos na Suíça e terá regressado a Portugal recentemente. Com o divórcio ainda a decorrer, a mulher foi viver com a mãe de 73 anos para a aldeia da Cumeada.

Arminda Félix, a mulher que foi baleada pelo ex-marido já tinha apresentado queixa na GNR por violência doméstica contra o antigo companheiro, mas nada valeu.

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Novembro 2019
S T Q Q S S D
« Out    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul