Siga-nos

Saúde

Última Hora: Caso suspeito de Coronavírus em Évora (exclusivo TDS)

Em causa está uma mulher que apresenta sintomas idênticos aos do coronavírus

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Mulher deu entrada no Hospital de Évora

A mulher, ainda jovem, deu entrada com sintomas idênticos ao do Coronavírus no hospital de Évora. Após uma primeira triagem a utente foi de imediato isolada.

Os profissionais de saúde que estavam no local, e que não tiveram qualquer informação para situações destas, terão ‘afastado os acompanhantes dos doentes para saírem do interior do hospital pois a zona tinha que ser desinfectada’, referiu uma testemunha à TDS.

O hospital remete todos os esclarecimentos para a saúde pública. A TDS tentou contactar a responsável na região, Drª Filomena Araújo, mas sem sucesso até esta altura.

O Hospital de Évora não está validado para casos suspeitos pelo Covid-19.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) anunciou esta segunda-feira que ativou os hospitais de Santa Maria, S. José (Lisboa), Coimbra e Santo António (Porto) para validar casos suspeitos de infeção pelo novo coronavírus (Covid-19).

Até à data apenas estavam ativados como hospitais de referência para estes casos o Curry Cabral e o Dona Estefânia, em Lisboa, e o S. João, no Porto.

(notícia em desenvolvimento)

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Saúde

Hospital de Beja com 16 profissionais infectados.

Até momento foram adiadas 20 cirurgias programadas, que serão reagendadas logo que possível. 

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Surto no Hospital de Beja

“Bloco operatório só funciona em caso de urgência”

O Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo, EPE atualizou a informação relativa à existência casos de infeção por covid-19 entre profissionais de saúde.

Total de testes efetuados a profissionais: aproximadamente 100. 

Positivos: 16 

Inconclusivos: 1 

Trata-se de 10 enfermeiros, 4 assistentes operacionais, 1 técnico e 1 médico e estão em isolamento no domicílio, apresentando apenas sintomas ligeiros. 

Face à avaliação em curso estima-se que sejam cerca de 200 os contactos a serem avaliados e acompanhados. 

Até momento foram adiadas 20 cirurgias programadas, que serão reagendadas logo que possível. 

Ao abrigo do plano de contingência da ULSBA, a situação está a ser monitorizada pela Unidade de Saúde Pública, pelo Serviço de Saúde Ocupacional e pelo Grupo de Coordenador Local do Programa de Prevenção e Controlo de Infeções e de Resistência aos Antimicrobianos.

Reforçamos que estas equipas iniciaram de imediato os procedimentos de avaliação de risco dos colaboradores, assim como o pedido de testes e isolamento dos casos suspeitos.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade

OUTRAS NOTÍCIAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Categorias

ARQUIVO

error: Content is protected !!