Últimas:
Surto de Reguengos: Presidente da autarquia pede ‘muita atenção’. – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos
blank

Saúde

Surto de Reguengos: Presidente da autarquia pede ‘muita atenção’.

Estão registado 62 casos ativos de COVID 19 no concelho.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

José Calixto pede que todos estejam ‘ muito atentos’

“Estão registado 62 casos ativos de COVID 19 no concelho”

O autarca de Reguengos de Monsaraz refere que o concelho está a viver uma ‘situação de risco de existência de cadeia de contágio comunitário’.

Assim sendo o autarca refere ser ‘fundamental todos estarmos muito atentos aos sintomas de COVID-19.’

É sabido que podem variar em gravidade, desde a ausência de sintomas (sendo assintomáticos) até febre (temperatura ≥ 38.0ºC), tosse, dor de garganta, cansaço e dores musculares e, nos casos mais graves, pneumonia grave, síndrome respiratória aguda grave, septicémia ou choque sético.

Recentemente, foi também verificada anosmia (perda do olfato) e em alguns casos a perda do paladar, como sintoma da COVID-19.

José Calixto, refere ainda numa publicação em rede social, que ‘os dados mostram que o agravamento da situação clínica pode ocorrer rapidamente, geralmente durante a segunda semana da doença.’

O apelo termina para que todos, sempre que registem sintomas, liguem de imediato para a linha Saúde 24.

José Calixto é presidente da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz e consequente responsável pela proteção civil municipal.

Tem sido nos últimos meses, na qualidade de presidente da CIMAC, um dos rostos que mais lutou contra a COVID-19 no distrito com constantes iniciativas ao nível da prevenção.

Saúde

Covid-19: Alandroal o concelho do país com ‘piores’ números.

Surto nas obras da ferrovia complicam as contas.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Maior incidência do vírus a 14 dias

” Obras na ferrovia na origem de surto em Alandroal “

Alandroal, é o concelho do país que suscita maior preocupação.

Regista uma maior incidência do vírus a 14 dias.

No período de 24 de março a 6 de abril, o município apresenta uma incidência de 581 casos por 100 mil habitantes, de acordo com os dados do último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) .

É um dos dois concelhos em risco muito elevado, registando um aumento significativo de novos casos de infeção pelo novo coronavírus.

Na atualização anterior, a 5 de abril, Alandroal apresentava uma incidência de 200 casos por 100 mil habitantes a 14 dias.

Em risco elevado, com uma incidência entre 240 e 479,9 casos por 100 mil habitantes, estão os concelhos de Barrancos, Odemira e Moura, na região Alentejo.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!