Quatro bombeiros ficaram feridos no incêndio de Castro Verde.

“Um bombeiro em estado grave e mais 3 feridos”

Dois dos bombeiros é da corporação de Cuba. O bombeiro em estado mais grave foi transportado em Héli do INEM para o Hospital de S.José, em Lisboa.

Os outros dois operacionais são de Castro Verde.

O IP2 esteve cortado durante 3 horas.

O presidente da Câmara de Castro Verde, António José Brito, disse aos jornalistas que  “É um incêndio que está a afetar todo o coração da reserva da biosfera de Castro Verde”, sublinhou o autarca.

O incêndio continua activo agora com 144 bombeiros e 49 viaturas.

Bombeiros de Cuba feridos gravemente no incêndio de Castro Verde