Siga-nos

Economia

‘Porta 20’, apoio a empresas chega a Arraiolos

Este projeto, agora presente no Concelho com o apoio do Município, visa apoiar a criação de novas empresas e apoio a empresas recém-criadas.

Avatar

Publicado

em

Numa sessão que contou com perto de duas dezenas de participantes realizou-se o primeiro workshop do Projeto PORTA 20, ao qual o Município de Arraiolos se aliou em parceria com a Confederação Portuguesa das no apoio à promoção, divulgação e na disponibilização de um espaço para a realização do mesmo. 

O Projecto PORTA 20 é desenvolvido pela Confederação Portuguesa das Micro, Pequenas e Médias Empresas e cofinanciado pelo Portugal 2020 no âmbito dos Sistemas de Apoio a Ações Coletivas – Promoção do Espírito Empresarial.

No caso da criação de novas empresas, os promotores beneficiam de formação, capacitação e apoio de consultoria especializada na realização do Plano de Negócios e após a constituição da empresa, serão acompanhadas durante os primeiros 6 meses.

No caso das empresas recém criadas (com menos de 2 anos à data de Dezembro 2017) terão acesso às formações, sendo feito um diagnóstico da empresas e terão apoio de consultoria nas áreas em que necessitem. No final do projeto terá lugar um concurso entre todas empresas participantes com prémios de 5.000€, 3.000€ e 2.000€ para as 3 primeiras classificadas.

A Presidente da Câmara, presente na abertura do evento, realçou que o Município não poderia ter deixado de aderir a este projecto enquanto parceira, tendo em conta a importância que o apoio especializado tem para o tecido empresarial a criar ou recém criado, e que esta iniciativa vem complementar outras frentes de trabalho já em curso, nomeadamente o apoio dado no encaminhamento e estruturação de candidaturas a fontes de financiamento de programas nacionais e comunitários.

Economia

Presidente da Câmara de Vendas Novas exige reunião com a CP

Luis Dias, presidente da Câmara de Vendas Novas exige descontos também na CP

TDS noticias

Publicado

em

O Conselho Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central, por proposta do Presidente da Câmara Municipal de Vendas Novas, Luís Dias, aprovou uma tomada de posição que exige uma reunião com a CP, de modo a incluir no Programa de Apoio à Redução Tarifária, os passes dos utilizadores do transporte ferroviário.

Para além disso, o Conselho decidiu ainda fixar o desconto nos passes mensais de transportes rodoviários de todos os residentes no Alentejo Central em 60% do seu valor.

Na tomada de posição, que transcrevermos, é clara a intenção dos autarcas:

«No âmbito do Programa de Apoio à Redução Tarifária, PART, estatuído pelo Despacho n°1 234-N201 9, de 4 de fevereiro, foi deliberado em reunião do Conselho Intermunicipal de dia 19 de Março de 2019 que o apoio à redução tarifária seria aplicado aos transportes públicos com origem no território abrangido pela Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central (CIMAC), independentemente do destino dos utilizadores e a percentagem deste apoio foi então fixada em 32%.

Posteriormente esta redução tarifária ampliou-se, fixando-se nos 60%. Contudo até ao momento, o PART não abrange os passes dos utilizadores do transporte ferroviário, apesar da insistência do Município de Vendas Novas e da CIMAC, que estranham a resistência da CP em não permitir a sua aplicação e os sucessivos adiamentos das reuniões agendadas com o intuito de encontrar um entendimento.

Assim, em reunião do Conselho Intermunicipal da CIMAC de 16 de julho de 2019, foi aprovada por unanimidade a proposta do Presidente da Câmara Municipal de Vendas Novas para a assunção desta tomada de posição, que exige uma reunião imediata com a CP, com o propósito legítimo de incluir no Programa de Apoio à Redução Tarifária os passes dos utilizadores do transporte ferroviário.»

Continuar a ler

Top

TDS Peça Orçamento