Siga-nos

Crime

Policias em Elvas alvo de tentativa de agressão

Incidentes em superficie comercial da cidade de Elvas

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Incidentes em superficie comercial da cidade de Elvas

” … os polícias foram constrangidos na sua ação, tendo os suspeitos ameaçado e tentado agredir os agentes da autoridade.”

O Comando Distrital de Portalegre da Polícia de Segurança Pública, informa que, no dia de hoje, elementos da Esquadra de Competência Territorial da Divisão Policial de Elvas, procederam à detenção de dois cidadãos, com 22 e 37 anos de idade, pelo crime de resistência e coação sobre funcionário, factos ocorridos  junto a uma superfície comercial da cidade de Elvas.

Os meios policiais foram chamados ao local para auxiliarem um elemento policial na identificação de um outro cidadão, por este ter cometido infrações ao direito rodoviário, sendo que, os polícias foram constrangidos na sua ação, tendo os suspeitos ameaçado e tentado agredir os agentes da autoridade, dificultando desta forma o trabalho policial, motivo pelo qual lhes foi dada voz de detenção.

Os factos foram comunicados à Autoridade Judiciária, aguardando os detidos em liberdade as ulteriores diligências processuais.

Crime

Oito pessoas detidas em Grândola por apanharem pinhas.

GNR apreendeu cerca de duas toneladas de pinhas mansas

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

O Comando Territorial de Setúbal, através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) e do Posto Territorial de Grândola, ontem, dia 10 de novembro, apreendeu 1985 quilos de pinhas mansas, em duas ações distintas, no concelho de Grândola.

“Grândola – Apreensão de cerca de duas toneladas de pinhas mansas”

Na primeira ação, os militares intercetaram e detiveram dois indivíduos, de 38 e 41 anos, por furto de pinhas, na freguesia de Melides, tendo já na sua posse dois sacos com 15 quilos de pinhas. No decorrer das diligências policiais, foi realizada uma busca domiciliária que permitiu apreender 270 quilos de pinhas, 12 doses de haxixe e quatro armas brancas.

Os suspeitos foram detidos e constituídos arguidos, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Grândola.

Na segunda ação, os militares detetaram seis pessoas a apanhar pinhas mansas fora do período de colheita permitido, a pedido do proprietário da herdade.

Foi elaborado um auto de contra ordenação e apreendidos 1700 quilos de pinhas mansas, tendo os factos sido remetidos ao Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).

Continuar a ler

error: Content is protected !!