Siga-nos

Política

PCP questiona o Governo sobre cortes nas pensões dos trabalhadores das pedreiras

Em causa um trabalhador de Vila Viçosa a quem a Segurança Social respondeu positivamente ao pedido de reforma mas com um corte de cerca de 180 euros na pensão.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

O Grupo Parlamentar do PCP questionou o Ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social (MTSSS) sobre a existência de cortes nas primeiras pensões dos trabalhadores das pedreiras que estão a ser atribuídas pela Segurança Social.

No debate realizado no Plenário da Assembleia da República, o Grupo Parlamentar do PCP confrontou o MTSSS com a situação de um trabalhador de Vila Viçosa a quem a Segurança Social respondeu positivamente ao pedido de reforma mas com um corte de cerca de 180 euros na pensão.

Partindo daquele exemplo concreto, o PCP questionou o Governo sobre o que motiva estes cortes e se eles estão ou não relacionados com a aplicação do factor de sustentabilidade. O PCP considera que o factor de sustentabilidade não deve ser aplicado aos trabalhadores que se reformam ao abrigo de regimes especiais de acesso à reforma antecipada, como é o caso dos trabalhadores das pedreiras que passaram a ter acesso ao regime de reforma dos mineiros.

Na resposta, o MTSSS confirmou que a interpretação que está a ser feita pela Segurança Social é essa – de aplicação do factor de sustentabilidade com as penalizações que daí resultam – e que o compromisso do Governo é de alterar essa situação aprovando ainda uma lei que resolva o problema até ao final da Legislatura (Outubro de 2019).

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Política

PCP condena agressões aos bombeiros de Borba

PCP toma posição sobre agressões aos bombeiros de Borba

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

O PCP de Évora condenou esta quinta-feira os “atos de vandalismo e agressões” que ocorreram nos Bombeiros Voluntários de Borba, referindo que devem ser repudiados os atos contra “aqueles que dão tudo para salvar vidas”.

Os atos de violência e desrespeito dirigidos contra os Bombeiros Voluntários de Borba devem ser repudiados em quaisquer circunstâncias, mais ainda quando têm como alvo aqueles que tudo dão para salvar vidas e bens da comunidade”, refere a Direção da Organização Regional de Évora do PCP, em comunicado.

O PCP salienta que, apesar de o distrito de Évora ser o que tem “menor índice de criminalidade do país”, é necessário um investimento nas forças e serviços de segurança, e um reforço de profissionais e das suas condições de trabalho.

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Novembro 2019
S T Q Q S S D
« Out    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul