Siga-nos

Saúde

Operadores de telecomunicações dão minutos e sms a profissionais do SNS

Estes benefícios serão associados aos tarifários de serviço telefónico móvel, que individualmente cada profissional do SNS tiver subscrito com o seu operador, pelo período de 30 dias.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Foi assinado um Acordo de Colaboração entre o Gabinete de Resposta Digital à COVID19, o Ministério da Saúde e os Operadores de Telecomunicações: Altice, NOS, NOWO e Vodafone, para a atribuição de benefícios a profissionais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) dedicados ao tratamento de doentes da COVID-19.

A iniciativa responde a todos os profissionais de saúde que, diariamente, ajudam os portugueses a superar as consequências causadas pelo novo coronavírus, nomeadamente através do recurso à telesaúde.

O acordo surge depois de o Gabinete de Resposta Digital ao Covid-19, coordenado pelo Ministério da Economia e da Transição Digital, ter solicitado o apoio dos Operadores de Telecomunicações para encontrar soluções urgentes, que salvaguardem os consumos de comunicações eletrónicas por parte dos profissionais de saúde do SNS.

Da estreita colaboração entre as entidades públicas e privadas é, assim, possível garantir aos profissionais de saúde que estão a responder diretamente à crise de saúde pública identificados pela Administração Central do Sistema de Saúde – ACSS, um plafond extra de:

Ø 10 mil minutos de voz para redes fixas e móveis nacionais

Ø 10 mil SMS para redes móveis nacionais

Ø 10 GB de dados

Estes benefícios serão associados aos tarifários de serviço telefónico móvel, que individualmente cada profissional do SNS tiver subscrito com o seu operador, pelo período de 30 dias e serão renovados no primeiro dia de cada mês, enquanto se mantiver a pandemia.

A ACSS fornecerá aos operadores, nos próximos dias, a listagem dos profissionais abrangidos, mediante a inscrição destes através de um formulário a disponibilizar no portal covid19estamoson.gov.pt.

O Gabinete de Resposta Digital ao COVI-19 foi criado com o objetivo de avaliar, implementar e informar sobre medidas de base digital, garantindo uma resposta agregada e coerente, recorrendo ao envolvimento dos agentes públicos e privados numa lógica de resposta integrada.

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Saúde

Água das Termas de Cabeço de Vide ajudou a curar doentes COVID-19

Fernando Rocha terá sido um dos que se tratou com a água alentejana.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Dez pessoas infetadas com o novo coronavírus foram tratadas com água das Termas da Sulfúrea, em Cabeço de Vide, Fronteira, Portalegre, e acabaram por testar negativo, após o respectivo tratamento.

“O último caso foi o de um casal de Portalegre que testou negativo após 52 dias de positivo.”

O casal, de 36 e 34 anos, residente na cidade e com duas crianças, uma de sete anos e um menino de 15 meses, testou negativo, esta sexta-feira, após uma semana de tratamento com a água sulfurosa com particularidades muito específicas, e que já tinha sido alegadamente responsável pela cura do comediante Fernando Rocha.

Ao longo desses dias o tratamento do casal passou por ingerir uma quantidade de 10 mililitros de água em jejum e fazer aerossóis durante cerca de 15 minutos, duas a três vezes por dia.

O homem acrescenta mesmo: “Comecei a sentir diferença na respiração” logo ao início, com a “«libertação» da caixa torácica”.

Apesar de ser da região, reconhece que não conhecia as propriedades da famosa água termal: “Entrei em contacto e de imediato me disponibilizaram água”, pelo que é “acessível a qualquer pessoa”.

com JN

Continuar a ler

Copyright © 2020 TDS - Rádio e Televisão do Sul | redação: info@televisaodosul.pt 266702926 |Comercial: dialogohabil@gmail.com Publicidade site | rádio: 917278022

error: Content is protected !!