Últimas:
Operação “Internet Mais Segura 2021” – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos
blank

Sociedade

Operação “Internet Mais Segura 2021”

Hoje assinala-se o Dia da Internet Mais Segura

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Visando contribuir para a prevenção de comportamentos de risco inerentes à utilização da Internet, hoje, dia 9 de fevereiro, dia em que se comemora o Dia da Internet Mais Segura, a Guarda Nacional Republicana, em parceria com a Microsoft Portugal, lança a operação “Internet Mais Segura 2021”, que se materializará através de ações de sensibilização digitais que serão direcionadas para a comunidade escolar.

Operação “Internet Mais Segura 2021”

Face à atual conjetura pandémica, a utilização das tecnologias no meio escolar foi determinante para permitir dar continuidade ao ensino não presencial, sendo neste enquadramento especial que a GNR e a Microsoft Portugal se associaram para disponibilizar conteúdos digitais que visam sensibilizar a comunidade escolar, de 9 a 12 de fevereiro, através das Secções de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário (SPC).

Estas ações irão focar-se nas crianças, jovens, encarregados de educação e agentes educativos para questões como o cyberbullying,  furto de identidade, privacidade, incorreção das fontes de informação, vírus informáticos e a dependência da internet, na qual destacamos os videojogos, e serão divulgadas através de 892estabelecimentos de ensino que se associaram a esta iniciativa, sendo previsível alcançar mais de 105 000 alunos.

A GNR aconselha ainda que se tenham alguns cuidados para melhorar a sua privacidade online, destacando as seguintes dicas:

– Use passwords fortes;

– Não guarde os seus dados pessoais no navegador da Internet;

– Não partilhe dados privados nas redes sociais e nos sites de consulta;

– Mantenha o seu antivírus atualizado;

– Verifique e controle a dependência de internet junto dos seus familiares e amigos.

Sociedade

Praias alentejanas com capacidade para 43,690 pessoas.

Veja capacidade das praias na região Alentejo. Costeiras e fluviais.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Praia de Sines|Foto TDS (direitos reservados)

“Praias costeiras e fluviais do Alentejo”

As praias costeiras e fluviais do Alentejo podem receber, em simultâneo, um total de 43 mil e 690 pessoas, esta época balnear, segundo o despacho da Agência Portuguesa do Ambiente.

Na região, as 39 praias, 30 costeiras e nove fluviais (29 grandes e dez pequenas), vão ter uma capacidade total de 43 mil e 690 pessoas.

No que respeita às praias costeiras, o concelho de Grândola é o que concentra o maior número de pessoas nas 11 praias de uso balnear (20 mil e 500).

À semelhança do ano passado, neste concelho, a praia Troia-Mar, com três mil e 500 utentes, volta a ter a maior lotação da costa alentejana, mais mil e 500 do que as da Comporta, Carvalhal, Pego, Melides e Atlântica, todas também em Grândola e cada uma com capacidade para duas mil pessoas.

A praia Tróia-Bico das Lulas terá capacidade para mil e 900 pessoas, Aberta Nova pode receber até mil e 700, a praia Tróia-Galé até mil e 300, Camarinhas até mil e 100 e, por último, na praia da Galé-Fontainhas prevê-se uma lotação de mil e 100 utentes.

No concelho de Odemira, no distrito de Beja, que este ano conta com 12 praias de uso balnear (11 costeiras e uma fluvial), a praia das Furnas-Mar volta a ser a que tem a capacidade mais alta (mil e 500 utentes), seguindo-se a da Franquia (mil e 400), Furnas-Rio e Malhão Norte (mil pessoas cada).

Já a praia da Zambujeira do Mar terá uma capacidade para 900 pessoas (mais 400 do que no ano passado), a praia do Farol mantém os 700 utentes, assim como Malhão Sul (600).

A praia de Almograve Norte tem uma lotação potencial de 400 pessoas (mais 100), Carvalhal 300 (mais 100) e Alterinhos e Almograve Sul têm de 100 pessoas cada.

A praia fluvial da barragem de Santa-Clara, também no concelho de Odemira, pode chegar aos 300 utentes.

As praias do concelho de Santiago do Cacém, que conta com a vigilância dos nadadores-salvadores a partir de 19 de Junho, voltam a receber duas mil e 900 pessoas em simultâneo.

Segundo a APA, a praia da Costa de Santo André terá capacidade para duas mil e 500 pessoas e a Fonte do Cortiço terá uma lotação de 400 pessoas.

No concelho de Sines, que pode receber um total de seis mil e 800 pessoas em simultâneo, as praias Vasco da Gama e São Torpes terão uma capacidade para duas mil pessoas cada, seguindo-se a praia da Vieirinha/Vale Figueiros (mil e 300 utentes), Ilha do Pessegueiro (700 pessoas), Grande de Porto Covo e Morgavel com capacidade para 400 utentes cada.

Quanto às restantes praias fluviais e lacustres do Alentejo, além da de Santa-Clara, existem mais oito, duas delas na região de Beja: a de Cinco Reis, na capital de distrito (800 pessoas), e a Tapada Grande, em Mértola (350).

No distrito de Évora, a APA regista as praias de Alqueva (500) e Amieira (mil e 400), no concelho de Portel, a ARL Azenhas D’El Rei, em Alandroal (mil), Mourão (500) e Monsaraz, em Reguengos de Monsaraz (500).

Já a praia fluvial do Clube Náutico de Avis, no concelho de Avis, com uma lotação potencial de 140 pessoas, é a única representante do distrito de Portalegre.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!