Siga-nos

Turismo

Odemira abre nova época balnear

Em todas as praias do concelho é proibida a circulação e permanência de cães que não sejam animais de assistência, conforme consta dos respetivos editais de praia.

TDS noticias

Publicado

em

O concelho de Odemira abre oficialmente a época balnear no dia 15 de junho, com doze Bandeiras Azuis, seis praias com Bandeira de Qualidade Ouro, cinco Praias Acessíveis e duas Praias Naturistas, a maior qualificação e diversidade de sempre.

Além de três novas praias com Bandeira Azul, outras novidades na presente época balnear em Odemira incidem numa nova Praia Naturista e a preparação de outra onde a presença do melhor amigo do homem é autorizada (processo ainda em curso).

Em 2019, doze praias do concelho de Odemira recebem a Bandeira Azul, o símbolo de qualidade e excelência atribuído pela ABAE – Associação Bandeira Azul da Europa. As praias do Malhão, Malhão Sul, Franquia e Farol (em Vila Nova de Milfontes), Furnas Rio, Furnas Mar e Almograve e Almograve Sul (na freguesia de Longueira/Almograve), Zambujeira do Mar, Alteirinhos e Carvalhal (freguesia de S. Teotónio) e a praia fluvial de Santa Clara-a-Velha irão hastear a Bandeira Azul.

A Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza voltou a atribuir a bandeira de Qualidade de Ouro a seis praias de Odemira: Malhão, Franquia, Furnas Rio, Almograve, Zambujeira do Mar e Carvalhal. Esta distinção é atribuída a todas as praias que tenham qualidade “Excelente” nos últimos 4 anos.

Praia Acessível é outra importante classificação atribuída às praias da Franquia, Furnas Rio, Furnas Mar, Zambujeira do Mar e Carvalhal. O galardão “Praia Acessível – Praia para Todos” pretende dotar as zonas balneares de um conjunto de condições que permitam o seu uso universal e resulta de uma parceria entre o Instituto Nacional para a Reabilitação, a Agência Portuguesa do Ambiente e o Turismo de Portugal.

Duas praias naturistas

Para os adeptos do naturismo, existem duas praias classificadas oficialmente no concelho de Odemira. Desde 2019 a praia do Malhão Norte é também oficialmente uma praia naturista, tal como Alteirinhos Sul, assim classificada desde 2008.

Zona balnear oficial para cães

Para a época balnear de 2019, a Câmara Municipal de Odemira deliberou a aprovação de uma zona de uso balnear canino, na zona mais a sul da Praia do Malhão, encontrando-se este processo ainda em fase de desenvolvimento, junto das diversas entidades. Neste espaço os animais devem estar com trela e/ou açaime e os dejetos devem ser obrigatoriamente recolhidos e depositados em local apropriado disponibilizado para o efeito.

Turismo

Investidores dizem que a Comporta é a nova Ibiza.

A grande beleza natural quase selvagem e a tranquilidade são alguns dos trunfos da região, algo que diverge com a agitação de Ibiza.

TDS noticias

Publicado

em

A Comporta não está a passar despercebida aos investidores e promotores imobiliários internacionais.

O jornal norte-americano The Wall Street Journal considera, que esta zona pode tornar-se a “nova Ibiza” (ilha espanhola).

Segundo a publicação, a costa alentejana mas em particular a zona da Comporta, com quase 30 quilómetros, pode ser comparada com a ilha espanhola no mar Mediterrâneo, conhecida pelas suas praias e ambiente de festa que atrai milhões de turistas anualmente.

“A uma distância de 90 minutos de Lisboa, a Comporta é muitas vezes comparada com as Hamptons (EUA) nos anos 70 ou Ibiza há 20 anos. Inicialmente ficou conhecida como um local onde os criativos gostavam de estar”, lê-se no artigo, que recorda que os designers franceses Christian Louboutin e Philippe Starck, entre outras celebridades, passam férias nesta região.

Uma das empresas que vai apostar forte na região da Comporta é a Vanguard Properties, que investiu 158 milhões de euros na compra de dois ativos imobiliário-turísticos da Herdade da Comporta.

De acordo com a publicação, a grande beleza natural quase selvagem e a tranquilidade são alguns dos trunfos da região, algo que diverge com a agitação de Ibiza.

O The Wall Street Journal destaca ainda que uma das razões para a construção nesta região ter sido travada durante décadas ser o facto de detida pela família Espírito Santo. O cenário foi mudando depois do colapso do BES e do GES, em 2014.

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Agosto 2019
S T Q Q S S D
« Jul    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul