Siga-nos

Notícia TDS

Notícia TDS: 14 enfermeiros e 4 auxiliares em isolamento profilático no Hospital de Évora.

Profissionais de saúde tiveram contacto directo com enfermeira infectada com COVID 19. Fizeram testes e sabem hoje os resultados.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Hospital de Évora divulga comunicado mas não refere estes números

“Profissionais de saúde do Hospital de Évora conhecem hoje resultado dos testes a COVID 19”

São 18 profissionais do Banco de Urgência do Hospital Espírito Santo de Évora que estão em Isolamento Profilático.

Em comunicado, emitido ontem, o Hospital de Évora refere que “Não há profissionais de quarentena”, realçando que os seus profissionais de saúde só ficam de quarentena “se tal se vier a justificar”, na sequência dos resultados dos testes realizados.

O presidente do Sindicato Democrático dos Enfermeiros confirmou que existem 14 enfermeiros e 4 assistentes operacionais em isolamento profilático e que realizaram ontem os testes a COVID 19.

Os resultados deverão ser conhecidos esta terça feira.

Estes profissionais tiveram contacto, no serviço de urgência, com a enfermeira infectada com COVID 19 e que trabalha no banco de urgência e no Lar de Reguengos de Monsaraz.

O que é a quarentena (“isolamento profilático”) e o isolamento?

A quarentena e o isolamento, são medidas de afastamento social essenciais em saúde pública. São especialmente utilizadas em resposta a uma epidemia e pretendem proteger a população da transmissão entre pessoas. A diferença entre a quarentena e o isolamento parte do estado de doença da pessoa que se quer em afastamento social. Ou seja:

  • quarentena é utilizada em pessoas que se pressupõe serem saudáveis, mas possam ter estado em contacto com um doente infetado
  • isolamento é a medida utilizada em pessoas doentes, para que através do afastamento social não contagiem outros cidadãos    Fonte: DGS

Enfermeira infectada com COVID 19 no Hospital de Évora. Profissionais estão a fazer testes.

Incêndios

Incêndio em Ferreira do Alentejo provoca a morte a largas dezenas de animais.

Suinicultura localiza-se junto a Ferreira do Alentejo

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Incêndio em Ferreira do Alentejo

“Largas dezenas de leitões morreram em incêndio”

Um incêndio que deflagrou cerca das 19h53 provocou a morte de ‘largas dezenas de animais’ segundo referiu à TDS fonte próxima dos bombeiros.

O fogo surpreendeu leitões que estavam numa suinicultura perto de Ferreira do Alentejo.

Não se registam vítimas mas os danos são elevados.

No local estiveram 36 operacionais apoiados por 11 viaturas.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade

OUTRAS NOTÍCIAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Categorias

ARQUIVO

error: Content is protected !!