Últimas:
Mourão: Detido por posse Ilegal de armas em processo de violência doméstica – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos
blank

Saúde

Mourão: Detido por posse Ilegal de armas em processo de violência doméstica

Detido está nas instalações da GNR e será presente a Tribunal

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

O Comando Territorial de Évora, através do Destacamento Territorial de Reguengos de Monsaraz, ontem, dia 23 de abril, deteve um homem, de 45 anos, por posse ilegal de armas, na localidade de Mourão.

“…homem de 45 anos foi detido pela GNR assim como a apreensão de várias armas.”

No seguimento do cumprimento de mandado de busca e apreensão, no âmbito de um inquérito relacionado com violência doméstica, foi apreendido:

  • Duas espingardas caçadeiras;
  • Um revólver;
  • Uma pistola;
  • Uma arma de pressão de ar;
  • 49 cartuchos
  • Uma faca;
  • Um computador;
  • Dois computadores portáteis;
  • Uma máquina fotográfica;
  • Um tablet;
  • Três pen drives;

O suspeito não possui licença de uso e porte de arma de fogo, motivo pelo qual as armas foram apreendidas. Encontra-se detido nas instalações da Guarda até ser presente ao Tribunal Judicial de Reguengos de Monsaraz.

Saúde

Covid-19: Alandroal o concelho do país com ‘piores’ números.

Surto nas obras da ferrovia complicam as contas.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Maior incidência do vírus a 14 dias

” Obras na ferrovia na origem de surto em Alandroal “

Alandroal, é o concelho do país que suscita maior preocupação.

Regista uma maior incidência do vírus a 14 dias.

No período de 24 de março a 6 de abril, o município apresenta uma incidência de 581 casos por 100 mil habitantes, de acordo com os dados do último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) .

É um dos dois concelhos em risco muito elevado, registando um aumento significativo de novos casos de infeção pelo novo coronavírus.

Na atualização anterior, a 5 de abril, Alandroal apresentava uma incidência de 200 casos por 100 mil habitantes a 14 dias.

Em risco elevado, com uma incidência entre 240 e 479,9 casos por 100 mil habitantes, estão os concelhos de Barrancos, Odemira e Moura, na região Alentejo.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!