Últimas:
Mostra Gastronómica, Festival da Empada, Feira do Tapete, já este mês. – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos

Agenda

Mostra Gastronómica, Festival da Empada, Feira do Tapete, já este mês.

De 28 de outubro a 6 de novembro de 2022 a Mostra Gastronómica do Concelho de Arraiolos acontece no Arraiolos Multiusos, trazendo à mesa a tradição e os sabores da cozinha arraiolense.

Publicado

em

ARRAIOLOS

Mostra Gastronómica |Festival da Empada ! Feira do Tapete

De 28 de outubro a 6 de novembro de 2022 a Mostra Gastronómica do Concelho de Arraiolos acontece no Arraiolos Multiusos, trazendo à mesa a tradição e os sabores da cozinha arraiolense, integrando as características da gastronomia alentejana, tal como os vinhos de castas selecionadas ou os queijos da nossa terra.

O convite para degustar os pratos típicos e os doces conventuais, a par dos  sabores e temperos antigos, incluindo as ervas aromáticas, que entram na cozinha para apaladar   a “Empada de Arraiolos ®”, cujo registo da marca é um ato importante para salvaguardar “referências dos usos e costumes, que fazem parte do nosso património cultural e identitário.”

A gastronomia arraiolense, a “Empada de Arraiolos ®” e o artesanato de maior relevo para o nosso concelho, reconhecido em todo o mundo: o Tapete de Arraiolos, constituem um incentivo importante para a dinamização da economia local.

Nesta edição a Câmara Municipal quer também dar a conhecer mais de alguns dos produtos da nossa doçaria: os “Pasteis de Toucinho”, as “Cavacas do Vimieiro” e o “Nógado do Vimieiro”, bolos ou doces tradicionais com história no concelho.

Dar a conhecer e promover o fabrico de produtos locais com relevo pela sua originalidade, bem como pela ligação, tradição e presença em acontecimentos sociais de relevo – casamentos ou festividades cíclicas – pretende-se viabilizar um processo de valorização e registo que dê aos produtos e aos produtores o lugar merecido na doçaria de Arraiolos.

O registo/criação de uma marca será, à semelhança doutros produtos objeto desta ação junto do Instituto Nacional da Propriedade Industrial, I.P. , uma forma de diferenciar e qualificar os estes produtos, “permitindo um reconhecimento destas iguarias que sábias mãos e receitas antigas passaram como arte das avós para as mães.”

Para quem nos visita esta é uma oportunidade para conhecer o que de melhor tem a nossa terra –  o Tapete de Arraiolos – a Gastronomia – o Património monumental edificado – e a cultura do concelho, bem como o Centro Interpretativo do Tapete de Arraiolos.

Agenda

Comissão de Utentes do IC1 marcam debate

A acção de luta vai realizar-se no próximo dia 3 de Dezembro (Sábado), às 15:00, no Auditório da Junta de Freguesia de Santiago (União das Freguesias de Alcácer do Sal).

Publicado

em

Protesto

A Comissão de Utentes do I.C.1, vai realizar um Debate sobre o estado da estrada Itinerário Complementar nº1, no troço entre Alcácer do Sal Sul e Palma.

Em causa estão 16 km’s de via que se encontra muito degradada.

Esta Comissão considera que o estado de degradação visível em que este troço se encontra, representa um grave atentado a todos os Utentes que ali circulam, bem como, aos interesses da População residente, que têm visto nestes últimos anos, a sua condição de vida afectada quer no âmbito económico, social e, sobretudo, na sua segurança e integridade física.

Segundo a Comissão “Esta situação é inaceitável e insustentável considerando que este Itinerário é um eixo rodoviário fundamental entre o Norte e o Sul do País, destacando-se, neste argumento, a actividade turística e industrial e também pela relevância do Complexo Industrial/Portuário de Sines.”

A Comissão de Utentes exige ao Governo, que dê cumprimento e com a máxima rapidez às suas obrigações de iniciar as obras de reparação do IC1, colocando as indispensáveis condições de circulação em plena segurança de forma consentânea com o nível de serviço exigível a um eixo viário fundamental e salvaguardando o interesse público.

A acção de luta vai realizar-se no próximo dia 3 de Dezembro (Sábado), às 15:00, no Auditório da Junta de Freguesia de Santiago (União das Freguesias de Alcácer do Sal).

Continuar a ler

Agenda

O 1º de Dezembro no Alentejo. Lista das comemorações.

Veja programação

Publicado

em

Celebrações Populares do 1º de Dezembro

São variadas e antigas as tradições populares de comemoração do 1º de Dezembro, Dia da Restauração da Independência em diversos pontos do Alentejo.

ALTER DO CHÃO

Recepção do executivo municipal à Banda Municipal Alterense no edifício dos Paços do Concelho pelas 6H00. Segue-se o hastear das bandeiras ao toque do Hino da Restauração e o convite a todos os convidados a subirem ao Salão Nobre onde os espera um pequeno-almoço para depois seguir em arruada pela vila de Alter do Chão. Ao longo do percurso os músicos e restantes participantes vão parando nos estabelecimentos comerciais que se encontram abertos e os proprietários oferecem bebidas quentes. Pelas ruas, os moradores abrem portas e janelas para assistir à passagem do cortejo.

CAMPO MAIOR

A Banda 1.o de Dezembro celebra o seu aniversário nessa data e comemoram com uma arruada pelas ruas do concelho.
Durante a manhã são hasteadas bandeiras em várias instituições do concelho ao som do Hino Nacional e do Hino da Restauração, que assinala o feriado.

ELVAS

Sociedade Recreativa 1o de Dezembro toca Hino da Sociedade e da Restauração à meia-noite de dia 30/11.1o de Dezembro – missa e içar da Bandeira da Restauração no Forte de Santa Luzia.

ÉVORA

Efeméride organizada pela Tuna Académica do Liceu de Évora, de um sarau no dia 30 de Novembro nas escadarias da Sé de Évora, seguido com uma ceia académica. No dia 1 de Dezembro, alvorada e cumprimentos às madrinhas da Tuna e um recital de gala realizada na Escola André de Gouveia.

PONTE DE SOR

Jantar comemorativo pela Orquestra de Harmónicas e pela meia-noite percorrem várias artérias da cidade tocando algumas músicas do seu reportório.

REDONDO

Arruada da Banda da Sociedade Filarmónica Municipal Redondense com passagem obrigatória pela Rua 1o de Dezembro e execução dos Hinos de Portugal, da Restauração e da Sociedade Filarmónica, na Praça da República.

A Fénix – Associação dos Músicos de Redondo – celebra o 1o de Dezembro, executando o Hino da Restauração, no dia 30 de Novembro, pelas 24h00, na Praça da República.

Arruada pela Filarmónica União Montoitense nas localidades de Montoito, Aldeias de Montoito e Falcoeiras.
Concerto de celebração na sede da Sociedade União Montoitense.

VILA VERDE DE FICALHO

A Sociedade Recreativa 1o de Dezembro de VILA VERDE DE FICALHO organiza anualmente iniciativas de comemoração do Dia da Restauração da Independência durante toda a manhã e as mesmas consistem em animação pelas ruas da Freguesia realizadas por músicos populares.

VIDIGUEIRA

Na madrugada de dia 1, a Banda Filarmónica dos Bombeiros Voluntários toca o Hino da Restauração em vários locais, nomeadamente junto ao cruzeiro da independência e noutros locais.

VILA VIÇOSA

10h00 – Arruada pelo centro histórico de Vila Viçosa com a participação da SFUC – Sociedade Filarmónica União Calipolense
10h30 – Desfile/Cortejo Histórico com Charanga da GNR, Corpo de Bombeiros e Agrupamento 639 dos Escuteiros entre a Praça da República e Terreiro do Paço, seguido do Hino da Restauração pela SFUC, junto à Estátua D. João IV – Terreiro do Paço 11h30 – Representação histórica alusiva à Restauração/ Passado Vivo

Continuar a ler

Agenda

Feira do Livro este feriado em Alcácer do Sal

Veja programa

Publicado

em

XXV Feira do Livro de Alcácer do Sal

Decorre na Avenida dos Aviadores

A Avenida dos Aviadores, na cidade, vai ser palco da 25.ª edição da Feira do Livro de Alcácer do Sal, que se concretiza entre os dias 1 e 18 de dezembro.

Além da venda de livros a preços simpáticos, que são uma ótima ideia para presentes natalícios, para a autoeducação e/ou entretenimento, haverá as habituais sessões de contos dos mais novos aos mais crescidos, assim como encontros com autores que vêm partilhar as suas obras com o público e conviver com os seus leitores.

A Feira do Livro pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 14h às 18h e ao fim de semana e feriados, das 10h às 18h.

PROGRAMA 

1 de dezembro (quinta-feira) 

16h00 – “25 anos de histórias…” – Animação de leitura pelas técnicas da Biblioteca Municipal

3 de dezembro (sábado) 

16h00 – Apresentação do livro “(E)ternamente Eusébio – Biografia Oficial” pelo autor João Malheiro

4 de dezembro (domingo) 

16h00 – Apresentação do livro “A lenda do belo soldado” pela autora Margarida Rebelo Pinto

5 a 7 de dezembro (segunda a quarta-feira) 

14h30 – “Contos para miúdos e graúdos” – Animação de leitura pelas técnicas da Biblioteca Municipal (para alunos do 1.º ciclo do ensino básico e utentes dos lares e centros de dia do concelho e público em geral)

8 de dezembro (quinta-feira)

16h00 – Apresentação do livro “O Silêncio das Esperas” pelo autor Henrique José Saraiva Lima

10 de dezembro (sábado)

16h00 – Apresentação do livro “O meu cão + 19 poemas (sem idade)” pela autora Conceição Marmeleira

11 de dezembro (domingo)

16h00 – Apresentação do livro “Comporta aberta” pela autora Cidalisa Guerra

12 a 16 de dezembro (segunda a sexta-feira) 

14h30 – “Contos para miúdos e graúdos” – Animação de leitura pelas técnicas da Biblioteca ⁿMunicipal (para alunos do 1.º ciclo do ensino básico e utentes dos lares e centros de dia do concelho e público em geral)

17 de dezembro (sábado) 

16h00 – Apresentação do livro “Piu e Gil” pela autora Sofia Correia

18 de dezembro (domingo) 

16h00 – Apresentação dos livros “Uma Lição de Paz” e “A Última Solidão” pela autora Carmen Garcia, do blogue “A mãe imperfeita”

Continuar a ler

ÚLTIMAS

Facebook

x
error: O conteúdo está protegido!!