Últimas:
Ministro da Economia hoje em Castro Verde – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos

Economia

Ministro da Economia hoje em Castro Verde

Vai estar na inauguração do Festival Castro Mineiro 2022

Publicado

em

Começa hoje em Castro Verde

Festival Castro Mineiro 2022

O Ministro da Economia e do Mar, António Costa e Silva, vai presidir à abertura oficial da 1ª edição do Festival Castro Mineiro, que se realiza em Castro Verde, nos dias 2, 3 e 4 de setembro.

A sessão oficial de abertura está agendada para as 18h00, de hoje (sexta-feira), no Parque da Liberdade, e contará com a presença de António José Brito, presidente da Câmara Municipal de Castro Verde, neste que será o arranque da primeira edição.

O Festival será um espaço de encontro entre diferentes expressões artísticas, culturais e sociais, que convidam a descobrir e a colocar em evidência a inovação tecnológica, cultural e social que se vive nos territórios mineiros e, particularmente, em Castro Verde e na Mina de Neves-Corvo – a maior mina de cobre e zinco da Europa.

Após a abertura oficial do festival, segue-se, pelas 18h30, a inauguração da Exposição de Fotografia “A Vida Mineira”, da autoria de José Ferreira, que captou um conjunto de imagens que retratam o quotidiano de Neves-Corvo e que tem como protagonistas os mineiros e o trabalho desenvolvido na mina.

O Festival Castro Mineiro 2022 é uma organização da Câmara Municipal de Castro Verde, em parceria com a SOMINCOR, e pretende celebrar e promover a identidade mineira que tem vindo a ser construída ao longo dos últimos 40 anos no nosso território.

Agricultura

Sousel volta a ser ‘capital’ do borrego.

O ‘Ciclo de Conferências Terras do Borrego’ tem prevista uma passagem por cada um dos 15 concelhos do distrito de Portalegre ao longo do próximo ano, e tem como objetivo fulcral criar um portal de conhecimento e partilha entre os players e os stakeholders do setor, desde os empresários, aos produtores, aos veterinários, aos historiadores e aos decisores públicos.

Publicado

em

Sousel

‘Ciclo de Conferências Terras do Borrego’ arranca em Portalegre e discute a importância histórica da raça merina

Arranca esta quinta-feira, dia 24 de novembro, o ‘Ciclo de Conferências Terras do Borrego’, iniciativa promovida pela Câmara Municipal de Sousel, no âmbito do projeto “Sousel, Capital do Borrego”, que visa promover e valorizar a presença histórica do gado ovino no concelho e na sub-região do Alto Alentejo.

A primeira conferência, cujo tema irá recair sobre a “Presença Histórica do Merino”, terá lugar no Centro de Congressos de Portalegre, pelas 15h00, e irá analisar sob diversos horizontes aquela que é a raça autóctone de maior implementação na região.

A cerimónia, com início previsto para as 15h00, arranca com uma sessão de boas-vindas levada a cabo pela presidente da Câmara Municipal de Portalegre, Fermelinda Carvalho. Segue-se-lhe uma série de intervenções de individualidades ligadas ao setor: João Guilherme Dias, médico veterinário da Pasto Alentejano (a maior exploração ovina da Península Ibérica, sediada em Sousel); Pedro Vieira, chefe de divisão do Gabinete de Recursos Genéticos Animais da Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV); e Tiago Perloiro, diretor executivo da Associação Nacional de Criadores de Ovinos de Raça Merino (ANCORME). A cerimónia encerra com o discurso de Manuel Valério, presidente da Câmara Municipal de Sousel, e com um pequeno momento lúdico musical.

Esta iniciativa decorre da afirmação de Sousel enquanto capital oficial do Borrego, devido ao reconhecimento atribuído à tradição secular da exploração ovina no concelho, resultante na afirmação do território como o maior produtor e fornecedor de carne de borrego do país, com mais de 80 explorações, entre as quais a Pasto Alentejano, a maior da Europa com certificação de Bem-estar Animal de acordo com os critérios internacionais.

O objetivo da marca “Sousel, Capital do Borrego” é promover a região de Sousel e do Alto Alentejo, bem como o seu património cultural, enquanto contribui para alavancar a economia local, estimulando todos os setores associados à produção e exploração de borregos, ao emprego, à exportação, ao turismo e a tantos outros setores da economia.

O ‘Ciclo de Conferências Terras do Borrego’ é uma das ações promocionais que fazem parte do projeto, em paralelo com a quinzena gastronómica Terras do Borrego, que teve em abril deste ano a 1ª edição, e que estará de regresso às mesas do Alto Alentejo no período de Páscoa do próximo ano.

Programa:

14h50 – Receção aos convidados;

15h00 – Sessão de Boas-vindas pela Sra. Presidente da Câmara Municipal de Portalegre, Eng.ª Fermelinda Carvalho;

15h15 – Dr. João Guilherme. Médico veterinário responsável pelo departamento de exploração ovina da Pasto Alentejano;

15h35 – Eng.º Pedro Vieira. Chefe de Divisão do Gabinete de Recursos Genéticos Animais da Direção Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV);

16h00 – Coffee Break;

16h25 -Engº Tiago Perloiro. Diretor Executivo da Associação Nacional de Criadores de Ovinos da Raça Merino (ANCORME);

16h45 – Sessão de encerramento pelo Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sousel, Eng.º Manuel Valério;

17h00 – Momento musical.

A sessão será aberta ao público em geral.

Continuar a ler

Economia

Associação Transfronteiriça de Municípios do Lago Alqueva quer valorizar o território.

O Plano de ação da ATLA, está enquadrado naquelas que são as prioridades do Próximo Quadro Comunitário de Apoio e alinhado com os programas nacionais e Regionais, tais como a EREI2030 – Estratégia Regional de Especialização Inteligente do Alentejo 2030.

Publicado

em

Desenvolvimento Territorial Sustentável em Alqueva ATLA aposta na valorização do Território de Alqueva

A ATLA – Associação Transfronteiriça de Municípios do Lago Alqueva incorpora no seu Plano de Ação para o período 2021 – 2027, quatro eixos estratégicos, nomeadamente:
Ambiente e Ordenamento do Território; Inovação, Empreendedorismo e Competitividade; Turismo, e Ações Transversais, eixos estes, potenciadores de um “Desenvolvimento Territorial Sustentável” em torno do maior lago artificial da Europa.

O Plano de ação da ATLA, está enquadrado naquelas que são as prioridades do Próximo Quadro Comunitário de Apoio e alinhado com os programas nacionais e Regionais, tais como a EREI2030 – Estratégia Regional de Especialização Inteligente do Alentejo 2030.

A ATLA, pretende assim no âmbito da sua missão e objetivos, entre outros: Fortalecer a cooperação transfronteiriça; Potenciar as capacidades logísticas das aldeias para desenvolverem atividades turísticas; Potenciar a articulação da água com o território através da criação e reforço de infraestruturas náuticas (ex: apoiar projetos inovadores, tais como casas flutuantes e escritórios flutuantes); Recuperar e valorizar os recursos endógenos da região (património material e imaterial, natural, água, clima,…); Atrair para o território, a fixação de novas empresas, a atração de nómadas digitais, pessoas e visitantes; Valorizar e divulgar os ativos da região; Criar um território mais sustentável e amigo do ambiente; Fortalecer a identidade das comunidades locais; Apoiar e reforçar as
PME ́s locais.

Continuar a ler

Economia

Porto de Sines recebeu Fórum Portugal Export

O Brasil Export é um Fórum permanente, multissetorial, agregador e organiza dinâmicas para promoção do diálogo entre os diferentes agentes envolvidos com as operações portuárias, de logística e infraestruturas.

Publicado

em

Porto de Sines recebeu Fórum Portugal Export

O Porto de Sines recebeu a sessão inaugural do Fórum Portugal Export, um evento organizado pelo Brasil Export que reuniu os líderes dos setores da logística e infraestruturas de transportes de Portugal e Brasil.

José Luís Cacho, Presidente do Conselho de Administração da APS, abriu a sessão realçando a importância desta iniciativa no reforço da relação de Portugal com o Brasil. Seguidamente, os participantes assistiram a uma Palestra da Associação dos Terminais do Corredor de Exportação do Paranaguá (ATEXP) e a dois seminários dedicados ao tema “Agronegócio brasileiro e a sinergia com Portugal”, e outro sobre “Boas práticas na gestão de portos e terminais brasileiros e portugueses”.

Este encontro contou com a presença de Mário Povia, Secretário Nacional de Portos e Transportes Aquaviários, e do Secretário de Estado das Infraestruturas do Governo Português, Hugo Santos Mendes, que encerrou a sessão da manhã com um discurso por meios telemáticos, saudando a iniciativa e evidenciando os “laços históricos, culturais, de identidade, tradições” partilhados entre Portugal e o Brasil, relacionamento este que tem no setor portuário “um exemplo paradigmático”. Hugo Mendes destacou ainda a importância desta iniciativa para a criação de “sinergias que reforcem o papel de Portugal como porta de entrada privilegiada das exportações brasileiras na Europa”.

Acompanhados por representantes das Concessionárias do Terminal Multiusos (PortSines) e do Terminal de Contentores (PSA Sines), a comitiva teve ainda a oportunidade de visitar os terminais e, in loco, visualizar os projetos e obras de expansão que estão a decorrer e os que estão em vista num futuro próximo.

A sessão contou ainda com a assinatura de um protocolo de cooperação entre a Associação dos Portos de Portugal (APP) e a Associação Brasileira das Entidades Portuárias e Hidroviárias (ABEPH), cujo âmbito se foca no reforço do relacionamento institucional e comercial, no seio dos portos da Lusofonia.

O Brasil Export é um Fórum permanente, multissetorial, agregador e organiza dinâmicas para promoção do diálogo entre os diferentes agentes envolvidos com as operações portuárias, de logística e infraestruturas.

O Brasil Export e os seus organismos regionais contam com mais de 250 conselheiros, profissionais qualificados e que atuam no setor privado, em entidades representativas e no poder público. Entre as suas atividades, destacam-se a promoção de encontros presenciais e online para debater questões pertinentes para a área, a realização de missões internacionais e a criação de conselhos voltados para maior inclusão das mulheres no setor e para destacar ações relevantes relacionadas a meio ambiente, ao social e à governança.

Continuar a ler

ÚLTIMAS

Facebook

x
error: O conteúdo está protegido!!