Últimas:
Mineiro infectado da Somincor resulta de transmissão em Almodovar – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos
blank

Sociedade

Mineiro infectado da Somincor resulta de transmissão em Almodovar

Trabalhadores estão a fazer testes mas resultados tem sido negativos.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Somincor

” Caso de covid 19 nas minas da Somincor”

Um trabalhador deu positivo à covid 19 e obrigou a cancelar os turnos de hoje. Os mineiros não ‘baixaram’ à mina no turno das 12h00.

Durante a tarde estão cerca de 100 trabalhadores a realizar testes mas nenhum acusou, até esta altura, um resultado positivo.

O caso é resultante de transmissão do vírus em termos comunitários no concelho de Almodovar.

A Somincor tem em ação medidas preventivas que salvaguardam situações destas tendo enviado os trabalhadores para casa e todos os contactos com o trabalhador infectado estão a realizar testes.

Na Somincor trabalham cerca de 1.200 trabalhadores.

Exclusivo TDS: Somincor com 1 caso de covid 19. Turno do meio dia não ‘baixou’.

Continuar a ler
Publicidade
1 Comentário

1
Deixe um comentário

avatar
700
1 Respostas ao comentários
0 Respostas
0 Seguidores
 
Comentários com mais reações
Comentários mais populares
0 Autores dos comentários
Autores dos comentários mais recentes
trackback
Covid 19: Mais de 300 testes na Somincor deram todos negativo. – TDS Radio e Televisão do Sul

[…] Mineiro infectado da Somincor resulta de transmissão em Almodovar […]

Justiça

Juiz Ivo Rosa levanta arresto da propriedade da ex mulher de Sócrates, em Montemor o Novo.

Em causa o Monte das Margaridas propriedade de Sofia Fava.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Arresto levantado ao Monte das Margaridas, em Montemor-o-Novo.

” Operação Marquês “

No despacho instrutório, proferido na sexta-feira, o juiz Ivo Rosa ordenou o levantamento imediato do arresto de vários bens imóveis dos arguidos, designadamente o Monte das Margaridas, em Montemor-o-Novo, adquirido pela ex-mulher de Sócrates Sofia Fava.

“Tendo em conta a decisão de não pronúncia relativamente aos crimes ora em causa, quanto aos saldos bancários apreendidos e bens imóveis arrestados, verifica-se que não existem indícios que as quantias e bens imóveis em causa são produto dos crimes de corrupção passiva de titular de cargo político imputados ao arguido José Sócrates”, lê-se no despacho.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!