Siga-nos

Autarquias

Mercadinhos d’A Moura dinamizam baixa comercial de Águas de Moura

A partir de maio, os Mercadinhos D’A Moura vão dinamizar a Baixa Comercial de Águas de Moura, reunindo a diversificada oferta dos comerciantes da Avenida da Liberdade.

Avatar

Publicado

em

Esta nova iniciativa, organizada pela Câmara Municipal de Palmela, União das Freguesias de Poceirão e Marateca e agentes económicos locais, integra o plano de ação do projeto de dinamização da Baixa Comercial de Águas de Moura e pretende atrair mais visitantes e clientes ao comércio tradicional.

O lançamento dos Mercadinhos D’A Moura está marcado para dia 28 de abril, junto ao Sobreiro Assobiador, das 10h00 às 16h00. Nesse dia, às 10h00, realiza-se o “Piquenique no Sobreiro Monumental”, de entrada livre e também integrado nas Comemorações do 25 de Abril, que convida a recordar os antigos piqueniques da aldeia de Águas de Moura, estendendo a toalha sob a sombra dos ramos do Sobreiro Monumental, Árvore Europeia do Ano 2018.

A iniciativa é do Teatro Estranhamente Louco e Absurdo, com o apoio do Município e da União das Freguesias.

Os Mercadinhos, temáticos, vão realizar-se mensalmente, das 9h00 às 14h00, na Avenida da Liberdade (em frente à Junta de Freguesia de Marateca), de acordo com o seguinte calendário:

18 de maio – Mercadinho da Primavera

15 de junho – Mercadinho da Criança (a confirmar)

29 de junho – Mercadinho de S. Pedro

20 de julho – Mercadinho de Verão

17 de agosto – Mercadinho  do Sol (a confirmar)

21 de setembro – Mercadinho de Outono

19 de outubro – Mercadinho da Saúde

16 de novembro – Mercadinho de S. Martinho

21 de dezembro – Mercadinho de Natal

Autarquias

Évora vai recuperar Poços e Nascentes do Aqueduto

A implementação deste sistema permitirá uma redução da quantidade de água tratada usada para rega na ordem dos 140.000m3/por ano. O custo dos trabalhos é estimado em 653.100 euros+IVA.

TDS noticias

Publicado

em

O Executivo da Câmara Municipal de Évora aprovou por unanimidade a Abertura de Concurso para Reabilitação de Poços e Nascentes do Aqueduto, Execução de Reservatório e Rede de Distribuição de Água para Rega.

Uma medida aplaudida por toda a Vereação, uma vez que permitirá uma grande poupança financeira à autarquia, além da importância que tem no plano ecológico.

Esta candidatura, elaborada e aprovada ainda no anterior mandato no âmbito do Projecto LIFE – Água da Prata, beneficia de apoio financeiro da Comissão Europeia a 60%.

Visa dar uso à água proveniente do Aqueduto da Água da Prata, tendo em conta que não se prevê a sua utilização para consumo humano no âmbito do contrato entre a Câmara e a Águas de Vale do Tejo.

Procura-se, assim, reduzir os gastos municipais relativamente ao consumo de água da rede pública para rega dos espaços verdes e diminuir a dependência que a rega de espaços verdes tem na rede pública de água tratada.

Os trabalhos incluem a reparação de nascentes e condutas do Aqueduto e reequipamento das estações de bombagem nos poços da Graça do Divor; construção de um reservatório de água em S. Bento; e construção de rede de distribuição de água exclusivamente para rega.

Com esta decisão, pretende-se reforçar o caudal de água captado na Graça do Divor, criar um armazenamento de água exclusivamente para rega e fazer distribuição de água por cerca de 20,3ha, aproximadamente metade das áreas verdes regadas da cidade. Está previsto ainda um futuro alargamento da rede a eventuais jardins no Bairro da Casinha e à expansão do jardim do Bairro do Moinho.

Continuar a ler

Top

TDS Peça Orçamento