Siga-nos

Crime

João Moura de Campeão de Espanha de Galgos a suspeito de maus tratos a animais

João Moura foi ouvido no Tribunal de Portalegre e foi constituído arguido. Saiu com a medida de coação mais leve, Termo de Identidade e Residência.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Foto: Taurodromo

João Moura foi detido esta quarta-feira pela GNR, por suspeitas de maltratar cães, e constituído arguido.

A detenção surge na sequência de uma investigação levada a cabo pelo Serviço de Protecção da Natureza e do Ambiente (Sepna) da Guarda Nacional Republicana, que foi alertada para o que se estava a passar na herdade em que João Moura reside em Monforte.

Os guardas, que se fizeram acompanhar veterinário municipal de Monforte, apreenderam 18 galgos que se encontravam com sinais de subnutrição.

Vários outros animais foram deixados na herdade, por não apresentarem indícios de maus tratos. Aqueles que se encontravam subnutridos ficaram aos cuidados do canil municipal de Monforte.

As suspeitas surgiram depois de alguns galgos se terem soltado e de terem ido parar à estrada.

Quando foram devolvê-los os elementos da GNR repararam que o estado de magreza alguns deles inspirava preocupação.

O veterinário municipal confirmou hoje que, apesar se tratar de uma raça magra, estes 18 animais estavam abaixo de um peso aceitável.

Duas vezes campeão de Espanha de Galgos

A 27 de fevereiro de 2010, a galga de João Moura, Alheira, venceu o Campeonato Nacional de Espanha de Galgos.

Foi numa prova que decorreu em Canillas Altas, Rielves (Toledo) que a Alheira venceu as duas coleiras, não deixando qualquer hipótese à oponente.

Desta forma João Moura tornou-se pela 2ª vez Campeão de Espanha de Galgos, aumentando o seu palmarés e a juntar aos 15 títulos de Campeão Provincial.

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Crime

Vendas Novas – Pulseira eletrónica por violência doméstica

Suspeito fica com pulseira eletrónica e proibição de contactar a vítima.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

O Comando Territorial de Évora, através do Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), no dia 1 de abril, deteve um homem de 50 anos por violência doméstica, no concelho do Vendas Novas.

No âmbito de uma investigação por violência doméstica, os militares apuraram que o suspeito agrediu fisica e psicologicamente a mulher, de 53 anos, durante 25 anos de casamento, praticamente todo o período da relação.

O detido foi presente, no mesmo dia, no Tribunal Judicial de Montemor-o-Novo, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de proibição de contactar a vítima por qualquer forma, diretamente ou por interposta pessoa, sendo para o efeito controlado através de pulseira eletrónica. 

Continuar a ler

Mais vistas

Copyright © 2020 TDS - Rádio e Televisão do Sul | redação: info@televisaodosul.pt 266702926 |Comercial: dialogohabil@gmail.com 917278022