Siga-nos

Política

Jerónimo Sousa em Grândola afirmou que ‘o governo nunca iria tão longe se não fosse a CDU’.

Após a sua intervenção, Jerónimo de Sousa visitou a Feira de Agosto, onde teve oportunidade de saudar e conversar com os visitantes, e com os responsáveis pelos diferente espaços do certame.

TDS

Publicado

em

O restaurante do PCP, à entrada da Festa de Agosto, em Grândola, (veja foto) encheu-se por completo para receber a visita do secretário-geral, Jerónimo de Sousa.

Com uma plateia de mais de duas centenas de pessoas, Jerónimo de Sousa, teceu críticas a Carlos César do PS, citando o líder parlamentar dos socialistas.

“Hoje um dos dirigentes máximos do PS declarava que existe a necessidade de uma maioria clara, seja lá o que isso for, para que o PS não tenha de se sujeitar às exigências de outros”, disse o secretário-geral do PCP .

Em resposta, Jerónimo de Sousa, disse que o Governo do PS “nunca iria tão longe se não fosse o PCP e a CDU”. Na sua intervenção, voltou igualmente a manifestar a oposição do PCP ao envio de tropas portuguesas para o Líbano.

Após a sua intervenção, Jerónimo de Sousa – acompanhado por José Catalino, da Comissão Política, Manuel Valente, do Comité Central, e muitos outros militantes e dirigentes comunistas – visitou a Feira de Agosto, onde teve oportunidade de saudar e conversar com os visitantes, e com os responsáveis pelos diferente espaços do certame.

(fotos de Duarte Gonçalves – TDS)

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Política

PCP condena agressões aos bombeiros de Borba

PCP toma posição sobre agressões aos bombeiros de Borba

TDS

Publicado

em

Por

O PCP de Évora condenou esta quinta-feira os “atos de vandalismo e agressões” que ocorreram nos Bombeiros Voluntários de Borba, referindo que devem ser repudiados os atos contra “aqueles que dão tudo para salvar vidas”.

Os atos de violência e desrespeito dirigidos contra os Bombeiros Voluntários de Borba devem ser repudiados em quaisquer circunstâncias, mais ainda quando têm como alvo aqueles que tudo dão para salvar vidas e bens da comunidade”, refere a Direção da Organização Regional de Évora do PCP, em comunicado.

O PCP salienta que, apesar de o distrito de Évora ser o que tem “menor índice de criminalidade do país”, é necessário um investimento nas forças e serviços de segurança, e um reforço de profissionais e das suas condições de trabalho.

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Novembro 2019
S T Q Q S S D
« Out    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul