Siga-nos

Artes

Japoneses querem restaurar o Órgão de tubos da Sé de Évora

Restaurar o orgão custa 90 mil euros e a arquidiocese diz que que era importante uma ajuda.

TDS noticias

Publicado

em

O órgão de tubos renascentista da Sé de Évora é hoje uma das atracções da cidade.

Tem origens japonesas e talvez por isso uma associação japonesa quer apoiar o seu restauro.

“Gostaria de tentar ajudar. Com quanto” ou “o tempo que vai demorar e aquilo que conseguirei fazer ainda não posso dizer neste momento, mas vou fazer o meu melhor”, referiu em declarações à agência Lusa o presidente da Associação Kamakura Portugal, Genjiro Ito.

Uma delegação da associação esteve esta semana na Sé da cidade alentejana, onde se reuniu com responsáveis da Arquidiocese de Évora e da Direção Regional de Cultura do Alentejo (DRCAlen), e ficou evidente a importância do órgão, do século XVI.

Ana Maria Borges, da Direção Regional de Cultura do Alentejo, diz que a Missão Tensho “foi importantíssima” para o conhecimento das relações entre Portugal e o Japão e respetivas relações diplomáticas e culturais.

Na capela-mor da Sé, a arquidiocese está a restaurar outro órgão, construído por Oldovino, no século XVIII, e queria “fazer este a seguir, só que é um volume financeiro” a rondar “os 90 mil euros”, não existindo essa capacidade financeira “de um momento para o outro”, realça o cónego, considerando bem-vindo o interesse da Associação Kamakura Portugal: “É uma boa notícia para nós saber que há interesse em ajudar-nos”.

O mesmo afirma Ana Maria Borges, lembrando o vasto património do Alentejo: “Se tivermos alguém que nos apoie no restauro do órgão, para nós é importantíssimo”.

Pode “não ser assim tão fácil” conseguir o dinheiro para o restauro do órgão renascentista, mas Genjiro Ito diz que “é possível” e compromete-se. Quando regressar ao Japão vai “procurar encontrar os fundos” e “as pessoas que possam ajudar este projeto”.

(com DN)

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Artes

Jornadas Europeias do Património – Uma viagem pelo Património da vila do Torrão (Alcácer do Sal) rádio tds

Sob o mote “Artes, Património Lazer”, as Jornadas Europeias do Património pretendem este ano destacar as muitas facetas do património ligadas às artes.

TDS noticias

Publicado

em

O Município de Alcácer do Sal alia-se às Jornadas Europeias do Património 2019 (que se assinalam a 27, 28 e 29 de setembro) e promove no dia 28 a iniciativa “Rota do Património – Uma viagem pelo Património da vila Torrão”.

Com concentração no Posto de Turismo de Alcácer do Sal às 9h, a rota contempla um passeio pelo Torrão acompanhado por técnicos do Setor de Arqueologia da Câmara Municipal de Alcácer, com visita aos sítios da Calçada Romana, Monte da Tumba, Estação Arqueológica da Fonte Santa e ao Museu Etnográfico do Torrão.

Os interessados em participar devem inscrever-se até ao dia 27 de setembro junto do Posto de Turismo, através do telefone 265 009 987, telemóvel 911 794 685 ou ainda através do e-mail turismoalcacer@m-alcacerdosal.pt. O número mínimo de participantes é de 10 e número máximo é de 18 pessoas. A inscrição é gratuita e será fornecido transporte pelo Município. O programa poderá estar sujeito a alterações por motivos imprevistos.

Sob o mote “Artes, Património Lazer”, as Jornadas Europeias do Património pretendem este ano destacar as muitas facetas do património ligadas às artes, como fonte de entretenimento, e ao lazer, que nos permite viver outras dimensões da vida quotidiana, apropriando-nos de uma parte da cultura, tornando-nos autores, especialistas, guardiões e protagonistas.

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Setembro 2019
S T Q Q S S D
« Ago    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul - Web Development by IDEIAS FRESCAS https://ideiasfrescas.com