Siga-nos

Notícia TDS

Instituto da Segurança Social mandou fechar Lar da Sizuda em 2016 mas até hoje Segurança Social de Évora ‘fechou os olhos’.

Documento do encerramento refere “deficiências graves nas condições de instalação, segurança, funcionamento, salubridade, higiene e conforto, representando um perigo potencial para os direitos dos utentes e a sua qualidade de vida”.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Foto: TDS (direitos reservados)

Surto do Lar da Sizuda em Évora

” Instituto da Segurança Social ordenou encerramento do lar em 2016 mas ordem nunca foi cumprida”

O Conselho Diretivo do Instituto da Segurança Social ordenou o encerramento administrativo imediato do Lar da Sizuda no ano de 2016 mas até hoje o lar continuou a funcionar.

O documento a que a TDS teve acesso, datado de 8 de setembro de 2016, justifica o encerramento imediato pelas “deficiências graves nas condições de instalação, segurança, funcionamento, salubridade, higiene e conforto, representando um perigo potencial para os direitos dos utentes e a sua qualidade de vida”.

O mesmo documento salienta as consequências do incumprimento da deliberação que passam pelo ‘procedimento criminal pelo crime de desobediência’.

O aviso de encerramento deveria ter estado afixado no lar durante 30 dias sendo sujeito a procedimento criminal.

Até hoje a decisão do Instituto da Segurança Social nunca foi cumprida pela Segurança Social distrital de Évora.

No lar da Sizuda 29 utentes e 10 funcionários estão infectados com Covid 19.

Operação surpresa: Idosos do Lar de Évora transportados durante a noite para o Hospital.

Incêndios

Incêndio em Ferreira do Alentejo provoca a morte a largas dezenas de animais.

Suinicultura localiza-se junto a Ferreira do Alentejo

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Incêndio em Ferreira do Alentejo

“Largas dezenas de leitões morreram em incêndio”

Um incêndio que deflagrou cerca das 19h53 provocou a morte de ‘largas dezenas de animais’ segundo referiu à TDS fonte próxima dos bombeiros.

O fogo surpreendeu leitões que estavam numa suinicultura perto de Ferreira do Alentejo.

Não se registam vítimas mas os danos são elevados.

No local estiveram 36 operacionais apoiados por 11 viaturas.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade

OUTRAS NOTÍCIAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Categorias

ARQUIVO

error: Content is protected !!