Siga-nos

Crime

Homem que atropelou militar da GNR fica em liberdade (vídeo)

Veja vídeo do detido a entrar no Tribunal de Cuba

TDS noticias

Publicado

em

Condutor passou a noite detido e foi ouvido no Tribunal de Cuba durante o dia

Tribunal de Cuba em processo sumário aplicou 3 anos de prisão mas com pena suspensa por igual período (cúmulo jurídico )

O homem terá ainda que pagar uma multa por conduzir sem habilitação

O condutor, de 20 anos, desrespeitou ontem cerca das 22h00 uma ordem de paragem por parte de militares da GNR, em Cuba.

O homem acabou por embater numa árvore e quando tentava fugir terá atropelado um militar da GNR . ‘Ao fazer marcha atrás entalo o militar entre o seu carro e a viatura da GNR.

A viatura acabou por ficar danificada tendo sido transportada esta manhã para as oficinas da GNR em Beja.

O condutor de nacionalidade estrangeira foi detectado pela GNR a fazer manobras perigosas dentro da localidade o que provocou a intervenção da GNR.

Crime

ASAE fiscaliza Apoios de Praia em todo o país

Foram fiscalizados cerca de 210 operadores económicos, de norte a sul do país, tendo sido instaurados 2 processos crime por usurpação e venda ou ocultação de produtos contrafeitos e 65 processos de contraordenação

TDS noticias

Publicado

em

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) realizou uma operação de fiscalização a nível nacional, no âmbito das suas competências, dirigida aos estabelecimentos e/ou bancas de venda ambulante que se encontram junto a praias oceânicas e fluviais, vulgarmente designados por Apoios de Praia.

Na época estival verifica-se um aumento substancial da afluência de turistas, nacionais e estrangeiros, às zonas balneares, pelo que importa assegurar o cumprimento, nesse locais, das regras de higiene, segurança alimentar qualidade dos géneros alimentícios bem como das regras de concorrência e preços.

Como resultado da ação foram fiscalizados cerca de 210 operadores económicos, de norte a sul do país, tendo sido instaurados 2 processos crime por usurpação e venda ou ocultação de produtos contrafeitos e 65 processos de contraordenação, destacando-se como principais infrações a inexistência ou incumprimento de  processo(s) baseados nos princípios do HACCP, ausência de mera comunicação prévia, violação dos deveres gerais da entidade exploradora do estabelecimento de restauração e bebidas, incumprimento de obrigações no âmbito do Livro de Reclamações, irregularidades relativas a afixação de preços, entre outras.

Foram apreendidos cerca 110 artigos de vestuário contrafeito, 10 Kg de moluscos bivalves vivos e 1 instrumento de pesagem num valor global que ronda os € 1 400,00.

A ASAE afirma que “continuará a desenvolver ações de fiscalização, no âmbito das suas competências, em todo o território nacional em prol de uma sã e leal concorrência entre operadores económicos e de forma a garantir a Segurança Alimentar dos produtos”.

Continuar a ler

Top

TDS Peça Orçamento