Siga-nos

Crime

Grândola – Prisão preventiva por violência doméstica

Homem tem 59 anos de idade

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

O Comando Territorial de Setúbal, através do Posto Territorial de Grândola, deteve um homem de 59 anos, no âmbito de um processo por violência doméstica, em Grândola.

“…prisão preventiva para agressor “

Na sequência de uma denúncia, os militares da Guarda deslocaram-se à morada da vítima, uma mulher de 53 anos, e verificaram que o agressor se encontrava à porta do referido local, que ao aperceber-se da presença da GNR iniciou a fuga, tendo sido alcançado pelos militares da Guarda que imediatamente realizaram a sua detenção.

O suspeito em questão já tinha sido julgado anteriormente pelo crime de violência doméstica, onde lhe havia sido decretada, por ordem judicial, a proibição de permanecer no concelho de Grândola e a utilização de pulseira eletrónica.

Após a detenção foi encaminhado para as instalações da GNR, tendo sido presente ao Tribunal Judicial de Grândola onde lhe foi decretada a medida de coação de prisão preventiva.

Crime

PJ deteve homem que tentou matar mulher

Crime aconteceu em Sousel

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

PJ deteve homem de 67 anos

“Crime em Sousel “

A Polícia Judiciária, através da Unidade Local de Investigação Criminal de Évora, identificou, localizou e procedeu à detenção fora de flagrante delito de um homem, com 67 anos de idade, sobre o qual recaem fortes suspeitas da prática de um crime de homicídio qualificado, na forma tentada.

Os factos ocorreram na tarde do passado dia 20, em Sousel, no distrito de Portalegre, num anexo do domicílio do detido, para onde a vítima foi obrigada a entrar e empurrada para uma fogueira, o detido agiu motivado por vingança pelo termo de uma relação existente entre ambos há largos anos.

A vítima, uma mulher, de 33 anos, apresentava graves queimaduras no tronco, cabeça e braços, correndo perigo de vida, o que obrigou à sua transferência para uma unidade hospitalar central, em Lisboa.

O detido vai ser presente à autoridade judiciária para realização de interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade

OUTRAS NOTÍCIAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Categorias

ARQUIVO

error: Content is protected !!