Siga-nos

Educação

Governo quer avançar com escola de pilotos de aviões a jato na Base Aérea de Beja

O ministro da Defesa Nacional anunciou esta quarta-feira que está em estudo a possibilidade para o baixo alentejo.

Amilcar Matos

Publicado

em

Segundo o ministro João Gomes Cravinho, a iniciativa, a criar através de um consórcio “com vários investidores” e empresas privadas, visará a formação não só de pilotos portugueses, mas de “várias forças aéreas”.

A iniciativa visará a formação não só de pilotos portugueses, mas de “várias forças aéreas”.

O ministro da Defesa Nacional respondia ao deputado do PCP António Filipe, numa audição na comissão de parlamentar de Defesa Nacional que decorreu esta quarta-feira de manhã, sobre a Lei de Programação Militar.

O ministro disse que a criação daquela escola em Beja resolvia a questão da formação dos pilotos dos F-16 portugueses, que atualmente frequentam os cursos nos EUA. De acordo com fonte do Ministério da Defesa, não há ainda qualquer calendário para avançar com a criação da escola, estando ainda a ser avaliados vários aspetos do projeto.

Quanto à escolha da Base Aérea de Beja, deve-se às boas condições logísticas e de voo que apresenta e ao facto de ter menos tráfego aéreo.

O ministro referiu ainda que a Alemanha entrou na corrida para receber o Centro Multinacional de Treino de Helicópteros da União Europeia, atualmente localizado no Reino Unido. Com a saída do Reino Unido da União Europeia, o centro será relocalizado e Portugal foi o primeiro país a apresentar uma “proposta consolidada” à Agência Europeia de Defesa (EDA).

A proposta apresentada por Portugal prevê a instalação do Centro Multinacional na base aérea de Sintra. Quanto à formação dos pilotos dos aviões de transporte tático KC-390, caso venha a concretizar-se a compra daquelas aeronaves à empresa brasileira Embraer, disse o ministro, “teria de ser no Brasil, a não ser [que Portugal] adquirisse o simulador, o que é extremamente caro”, referiu.

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Educação

Alcácer do Sal atribui ‘prémios de mérito’ a 8 alunos do concelho.

A cerimónia, que teve lugar no salão nobre dos paços do concelho, reuniu alunos, familiares, professores, elementos de Agrupamentos de Escolas e elementos da comunidade

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

A noite de 15 de novembro foi de emoção para oito jovens do concelho de Alcácer do Sal, que viram o seu desempenho escolar no ano letivo 2018/2019 ser destacado pela Câmara Municipal de Alcácer.

A tradicional cerimónia de atribuição de Prémios de Mérito Municipal Escolar a alunos do concelho do 2º e 3º ciclos do Ensino Básico, Ensino Secundário e Ensino Secundário Profissional voltou a ter lugar.

A cerimónia, que teve lugar no salão nobre dos paços do concelho, reuniu alunos, familiares, professores, elementos de Agrupamentos de Escolas e elementos da comunidade que quiseram acompanhar de perto esta merecida homenagem e mostrar o seu apoio a estes jovens. Os momentos musicais estiveram a cargo da jovem alcacerense Mariana Barrocas.

“Mais do que um dever, este Executivo Municipal tem uma vontade muito grande de apostar na juventude, pelo que disponibiliza apoios muito importantes e promove também estes Prémios de Mérito Municipal Escolar. A estes alunos premiados, deixo o meu apelo: não tenham medo de avançar e sempre focados, pois sem isso não há resultados. E quando forem para a Universidade e fizerem outro percurso, nunca esqueçam a vossa terra, pois é importante estarmos unidos em torno de Alcácer do Sal”, declarou Vítor Proença, presidente da Câmara Municipal de Alcácer do Sal, que congratulou os alunos e fez votos de muito êxito no futuro.

Agraciados com Certificados de Mérito Municipal Escolar, um cheque-brinde de apoio ao seu percurso escolar e uma recordação simbólica foram: Maria Clara Flamino e Martim Correia (2º Ciclo do Ensino Básico do Agrupamento de Escolas de Alcácer do Sal); Flávia Aniceto (2º Ciclo do Ensino Básico do Agrupamento de Escolas do Torrão); Irina Sombreireiro e Ana Lopes (3º Ciclo do Ensino Básico do Agrupamento de Escolas de Alcácer do Sal); Vanessa Galego (3º Ciclo do Ensino Básico do Agrupamento de Escolas do Torrão); Madalena Batista (ensino secundário na área de Ciências); Daryna Yaroshyk(ensino secundário, concelho na Área de Restaurante/Bar, do Curso Profissional).

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Novembro 2019
S T Q Q S S D
« Out    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul