Siga-nos

Policias

GNR mais atenta aos telemóveis

Operação ‘Smartphone, Smartdrive’

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

A Guarda Nacional Republicana (GNR), entre os dias 11 a 17 de fevereiro, intensifica a fiscalização do uso do telemóvel durante a condução, com o objetivo de prevenir a sinistralidade rodoviária e aumentar o sentimento de segurança dos utentes da via.

A condução distraída é um fator de risco que tem sido objeto de uma atenção crescente nas políticas de segurança rodoviária, de tal modo que a Comissão Europeia, no Plano de Ação para esta década (2020-2030), destacou a condução distraída como um dos principais comportamentos de risco para a segurança rodoviária, sendo que no ano de 2019 foram autuados 22 mil condutores por fazerem uso indevido do telemóvel durante a condução.

As ações de fiscalização serão direcionadas para as vias onde o índice de sinistralidade é mais elevado, estando empenhados militares dos comandos territoriais e da Unidade Nacional de Trânsito.

Esta operação decorre paralelamente com a campanha da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária “A conduzir, não uses o telemóvel”, integrada no Plano Nacional de Fiscalização, que tem como objetivo alertar os condutores para o risco de utilizarem o telemóvel enquanto circulam, nomeadamente a distração que o seu manuseamento provoca.

A GNR relembra o impacto negativo do manuseamento do telemóvel durante a condução, nomeadamente:

ü  Aumento do tempo de reação;

ü  Má avaliação das velocidades;

ü  Não manutenção das distâncias de segurança;

ü  Mau posicionamento do veículo na via;

ü  Dificuldade na interpretação da sinalização, podendo até ser ignorada;

ü  Desrespeito das regras de cedência de passagem, designadamente em relação aos peões.

Policias

Numa semana GNR de Évora deteta 466 infrações de trânsito

Atividade operacional semanal entre 10 e 16 de fevereiro

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

 O Comando Territorial de Évora levou a efeito um conjunto de operações, no distrito de Évora, na semana de 10 a 16 de fevereiro, que visaram a prevenção e o combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

1.    Detenções: Seis detidos em flagrante delito por condução sob o efeito de álcool.

2.    Trânsito:

Fiscalização: 466 infrações detetadas, destacando-se:

·         248 por excesso de velocidade;

·         93 relacionadas com tacógrafos;

·         17 por falta de inspeção periódica obrigatória;

·         10 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução;

·         9 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei.

·         5 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

Sinistralidade: 29 acidentes registados, destacando-se:

·         3 feridos grave;

·         13 feridos leves.

3.    Fiscalização Geral: 22 autos de contraordenação:

·         13 no âmbito da legislação policial;

·         9 no âmbito da legislação da proteção da natureza e do ambiente.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

Publicidade

Mais vistas

Copyright © 2020 TDS - Rádio e Televisão do Sul | redação: info@televisaodosul.pt 266702926 |Comercial: dialogohabil@gmail.com 917278022