Últimas:
GNR e PSP lado a lado na fiscalização em tempo de Páscoa – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos
blank

Policias

GNR e PSP lado a lado na fiscalização em tempo de Páscoa

O objetivo é garantir o cumprimento das normas do estado de emergência.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

A GNR e a PSP realizam a partir de hoje até quarta-feira operações de intensificação do patrulhamento, ações de sensibilização e fiscalização em todo o País.

O objetivo é garantir o cumprimento das normas do estado de emergência.

Em comunicado conjunto, as duas forças de segurança referem que “estas operações serão efetuadas em estreita articulação, cooperação e colaboração.”

A PSP e a GNR anunciam que vão divulgar as principais medidas e os conselhos de segurança hoje, em Lisboa.

Esta informação surge no dia em que o Presidente da República decretou a renovação do estado de emergência em Portugal, por novo período de 15 dias, até 17 de abril, para permitir medidas de contenção da pandemia de covid-19.

Também hoje o primeiro-ministro, António Costa, anunciou que Portugal vai encerrar ao tráfego de passageiros todos os aeroportos no período da Páscoa e em que o decreto-lei que regulamenta a prorrogação do estado de emergência proíbe deslocações para fora do concelho de residência no período da Páscoa, entre 09 e 13 de abril.

Crime

Alcácer do Sal – Prisão preventiva por violência doméstica

Homem tem 23 anos. Vítimas são os pais.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Prisão preventiva por violência doméstica

 “Alcácer do Sal”

O Comando Territorial de Setúbal, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vitimas Específicas (NIAVE) de Setúbal, no dia 6 de abril, deteve um homem de 23 anos por violência doméstica, no concelho de Alcácer do Sal.

Na sequência de uma investigação por violência doméstica, os militares da Guarda apuraram que o agressor coagia as vítimas, sua mãe de 62 e avó de 84, a fim de lhes exigir dinheiro todos os dias.

Caso não o fizessem, sujeitava-as a agressões verbais, físicas e ameaças de morte, condicionando-as a viver num clima de constante terror e a temer pela própria vida.

No seguimento das diligências policiais foi dado cumprimento a um mandado de detenção.

O detido foi presente ontem, dia 8 de abril, ao Tribunal Judicial de Setúbal, onde lhe foi aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!