Últimas:
 Évora volta a ter escola de pilotos de aviação  – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos
blank

Economia

 Évora volta a ter escola de pilotos de aviação 

A Air Dream College vai arrancar com quatro aviões de instrução, esperando terminar o ano com oito aeronaves no total 

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Com a chegada das duas primeiras aeronaves, foi oficialmente apresentada a nova escola de pilotos de Évora.

“O Presidente do Município eborense teve oportunidade de felicitar os responsáveis pela Air Dream College.”

Carlos Pinto de Sá, presidente do município eborense, transmitiu votos de sucesso para o novo empreendimento, assinalando a sua importância não só como fator de desenvolvimento para a cidade mas, também, como uma nova valência para o Aeródromo de Évora, bastante significativa no contexto da reestruturação de que este equipamento tem vindo a ser alvo no sentido de o tornar mais eficiente, moderno, e adaptado às novas exigências tecnológicas. 

Air Dream College, a empresa que aposta no sucesso deste empreendimento, é uma startup portuguesa constituída por uma equipa liderada por três especialistas: Nuno Anjos, gestor responsável, e Aurélio Almeida e Ivan Duarte, ambos diretores de instrução.

Os três prometem máximo empenho na concretização do que afirmaram ser um sonho que veio a transformar-se em realidade em Évora, cidade que sublinharam estar dotada de um aeródromo com as condições técnicas e logísticas ideais para este tipo de investimento.

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Economia

Sabe como estar na esplanada ou no restaurante ?

Conheça as novas regras

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Boas Práticas para o funcionamento da restauração e bebidas

” regras da DGS “

Na sequência da reunião de trabalho que a AHRESP teve no dia 31 de março com a Direção Geral da Saúde (DGS), resultou a atualização do Guia de Boas Práticas para o funcionamento da Restauração e Bebidas.

Esta nova versão do Guia, igualmente validado pela DGS, introduz alguns ajustes, tais como:

  • Na esplanada, a distância no corredor entre mesas, passa a ser, no mínimo, 1,5 metros.
  • No interior do estabelecimento, mantêm-se os 2 metros;
  • Reforço da necessidade de manter a distância de 2 metros entre os colaboradores e, de um modo geral, entre as pessoas;
  • Necessidade de solicitar à entidade que comercializa os produtos desinfetantes que esta disponibilize a apresentação do comprovativo da “Notificação do produto biocida” e
  • Reforço da necessidade do uso adequado de máscara.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!