Últimas:
Escândalo na ARS Alentejo. Dezenas de pessoas vacinadas de forma ilegal. Funcionários de vários setores e até familiares. – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos
blank

Saúde

Escândalo na ARS Alentejo. Dezenas de pessoas vacinadas de forma ilegal. Funcionários de vários setores e até familiares.

José Robalo, pres. da ARSA, negou ser vacinado e tentou impedir. ARSA abriu inquérito.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Pandemia: Vacinação na região Alentejo.

“Verdadeiro escândalo com funcionários da ARSA e do ACES Alentejo Central”

Cerca de 60 pessoas foram vacinadas de forma ilegal ligadas a ARSAlentejo e ACES, Agrupamento de centros de saúde do Alentejo Central”.

Em causa estão funcionários de vários sectores que não fazem parte dos grupos prioritários.

“Até técnicos informáticos … foi quem quiz”, refere uma fonte à TDS.

José Robalo, presidente da ARS Alentejo, recusou ser vacinado e terá alertado a ‘enfermeira responsável mas não resultou”.

A TDS sabe igualmente que para além de ‘quadros’ da ARS Alentejo também os funcionários do ACES foram vacinados incluindo familiares nalguns casos.

Entretanto a ARS Alentejo abriu um inquérito para apurar os factos.

A TDS sabe igualmente que a Diretora Executiva do ACES Alentejo Central, Maria do Céu Canhão, também pretende apurar responsabilidades.

Situações ‘duvidosas’ e não justificáveis existem não só no ACES do Alentejo Central como também na Unidade de Cuidados Almoreg de Reguengos de Monsaraz.

A TDS sabe que o Gabinete da Ministra da Saúde, Marta Temido, já foi informado e está a aguardar resultados do inquérito em curso.

A utilização indevida de vacinas é crime e tem uma moldura penal até 8 anos de prisão.

Notícia TDS

Portalegre é a capital de distrito no Alentejo com menos casos de Covid 19.

Beja tem 5 vezes mais casos da doença.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Relatório de situação COVID-19

“Concelho conta agora 11 casos activos”

De acordo com os dados oficiais o concelho de Portalegre regista 11 casos activos de Covid 19, tornando-se a capital de distrito do Alentejo com menos casos.

Beja, segundo dados atualizados do município, estão ativos 57 doentes en quanto em Évora registam-se 45 casos da infecção.

Portalegre chegou aos 958 casos, desde o início da Pandemia, tendo registado 50 óbitos.

Continuar a ler

x
error: Content is protected !!