Siga-nos

Economia

EDP quer antecipar encerramento da Central de Sines para 2021

Dois anos antes do que o governo tinha proposto.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

A Central Termoelétrica de Sines vai fechar mais cedo do que o previsto.

A notícia está a ser adiantada, em primeira mão, pela TVI. O Governo impôs o encerramento em 2023, por razões ambientais, mas a EDP está a preparar o seu encerramento antes, o que pode acontecer dentro de pouco mais de um ano.

Em causa está a falta de rentabilidade da produção a carvão.

O encerramento, a confirmar-se, apanha o Governo desprevenido. O seu encerramento pode por em causa a estabilidade do sistema elétrico no sul do país.

Segundo refere a TVI, “no limite pode haver “apagões” na zona Sul.” Para evitar tal cenário o Governo terá que acelerar a instalação de centrais a energia solar no Alentejo e investir numa nova linha de alta tensão a passar por Ferreira do Alentejo ( importante para servir o Algarve e “recolher” a nova produção do solar).

A central de Sines é responsável direta e indiretamente por cerca de 400 postos de trabalho.

Economia

Mértola vai receber o maior projeto solar fotovoltaico do país

Terá mais do dobro da potência da maior central do país e equivale a 10 vezes a histórica central da Amareleja.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

O projeto Fermesolar marca um novo recorde em Portugal.

Terá mais do dobro da potência da maior central do país e equivale a 10 vezes a histórica central da Amareleja.

E vai ter baterias, para também poder vender energia à noite.

A notícia é do jornal Expresso’. Portugal está a tornar-se a cada ano que passa um destino cada vez mais apetecível para o desenvolvimento de centrais solares de grande escala. E Mértola prepara-se para receber o maior projeto solar fotovoltaico do país.

Trata-se de uma central de 480 megawatts (MW) de potência, que envolve um investimento de quase 400 milhões de euros.

A central solar de São Miguel do Pinheiro está a ser desenvolvida pela empresa Fermesolar, que tem como sócio maioritário Rui Dias Moreira, que já tinha estado à frente da empresa Solara4, responsável por um outro empreendimento fotovoltaico de grande escala, uma central solar em Alcoutim com 220 MW, cuja construção está em curso.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul | redação: info@televisaodosul.pt 266702926 |Comercial: dialogohabil@gmail.com 917278022