Últimas:
COVID-19: Unidade Local de Saúde de Beja reforça capacidade – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos
blank

Saúde

COVID-19: Unidade Local de Saúde de Beja reforça capacidade

Beja continua sem casos COVID 19

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

A Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo tem estado a preparar-se para fazer face à pandemia Covid-19, estabelecendo circuitos seguros de atendimento, triagem e encaminhamento de doentes.

Durante este processo, temos recebido ajudas valiosas da parte de entidades oficiais e empresas privadas, que muito agradecemos e nos alenta a continuar a preparar tudo ao mais ínfimo pormenor e, sempre, de acordo com as diretrizes da Direcção-Geral da Saúde e em função da evolução dos acontecimentos. 

No âmbito da prevenção e controlo de infeção pelo novo coronavírus – Covid19, a Unidade Local de Saúde elaborou o Plano de Contingência, de carácter dinâmico, no qual estão definidos procedimentos, responsabilidades e medidas específicas a adotar, ao nível da saúde pública, dos cuidados de saúde primários, hospitalares e continuados, para mitigar as consequências desta infeção. 

Não havendo, à data, casos confirmados no distrito de Beja, é importante esclarecer que para os doentes que venham a necessitar de internamento, existem, e estão já estabelecidas, no Hospital de Beja, áreas exclusivas, com circuitos próprios e com equipas de saúde devidamente preparadas para receber os doentes, ou seja, temos a capacidade de internamento instalada.

Na Unidade de Cuidados Intensivos Polivalente, apetrechada com o equipamento e logística necessários, foi aumentada a capacidade de internamento.

Nos Centros de Saúde da ULSBA apostamos na proximidade entre as equipas de saúde e os nossos utentes, privilegiando os canais alternativos de contacto (telefone e e-mail), sempre prontos para receber as dúvidas e prestar os esclarecimentos necessários à população.

Saúde

Covid-19: Alandroal o concelho do país com ‘piores’ números.

Surto nas obras da ferrovia complicam as contas.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Maior incidência do vírus a 14 dias

” Obras na ferrovia na origem de surto em Alandroal “

Alandroal, é o concelho do país que suscita maior preocupação.

Regista uma maior incidência do vírus a 14 dias.

No período de 24 de março a 6 de abril, o município apresenta uma incidência de 581 casos por 100 mil habitantes, de acordo com os dados do último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) .

É um dos dois concelhos em risco muito elevado, registando um aumento significativo de novos casos de infeção pelo novo coronavírus.

Na atualização anterior, a 5 de abril, Alandroal apresentava uma incidência de 200 casos por 100 mil habitantes a 14 dias.

Em risco elevado, com uma incidência entre 240 e 479,9 casos por 100 mil habitantes, estão os concelhos de Barrancos, Odemira e Moura, na região Alentejo.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!