Siga-nos

Saúde

COVID-19: “Não existe no Alentejo porque as pessoas vivem em montes”. (vídeo)

Entrevistada da cmtv adiantou ainda que ” a desertificação”, “a falta de contactos com o exterior” e “turismo que não haverá muito” são os motivos para não existirem casos até agora.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

As declarações foram dadas em direto na cmtv na noite de ontem com o objectivo de justificar a falta de casos de COVID-19 no Alentejo.

As declarações não são qualificáveis dado o nível de ‘estupidez’ e de ‘ignorância’ demonstradas.

As declarações da convidada, que em momento algum foram contrariadas pelos restantes elementos no estúdio, são de tal forma ignorantes que não tem qualquer tipo de qualificação.

Difícil será entender como é possível gente deste nível intelectual ter presença, enquanto entrevistada, num canal de tv.

Para a entrevistada viver no Alentejo significa “viver em montes” e “não ter contactos com o exterior”.

Para além disso refere que o Alentejo “não tem turismo puro e duro”.

O vídeo está a tornar-se viral pelos motivos óbvios.

Saúde

Idosos do Lar de Évora a serem transportados para o Hospital de Évora

Estado dos idosos e necessidade de exames obrigam a nova transferência.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Foto: TDS (direitos reservados)

Surto do Lar da Sizuda

“Idosos estão a ser transportados para o Hospital de Évora”

A TDS sabe que os idosos do lar da Sizuda, transferidos recentemente para uma residência Universitária, tem estado a ser transferidos para o Hospital de Évora.

A sua transferência tem sido faseada após a indicação de uma médica que esteve na residência a consultar os idosos.

O estado frágil de alguns doentes e a necessidade de exames não possíveis de realizar na residência estão a obrigar a que os utentes estejam a ser transportados para a unidade hospitalar.

A TDS ainda não tem a confirmação do regresso de utentes à residência apenas está confirmada a transferência de alguns utentes para o Hospital.

Este processo de nova transferência de idosos acontece numa altura em que alguns familiares tem vindo a denunciar a falta de informação por parte das entidades do estado em que se encontram os utentes.

Alguns relatos apontam para a ausência ou incumprimento da medicação a que os idosos estão sujeitos.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade

OUTRAS NOTÍCIAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Categorias

ARQUIVO

error: Content is protected !!