Siga-nos

Autarquias

COVID-19: Mas afinal que medidas tomou a Câmara de Évora ?

Saiba o que foi noticiado pelos serviços da autarquia eborense

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Foto: TDS (direitos reservados)

Com uma petição a decorrer e muitas críticas por parte dos moradores impõe-se perceber que medidas tomou Évora para atenuar os efeitos da COVID-19.

A informação enviada tem sido menos do que de pequenas câmaras por isso recorremos ao site da autarquia.

A Câmara divide as medidas em vários setores: Apoio Social, Cariz Económico e Tarifário e Apoios aos Funcionários.

Vamos por partes. 

Apoio Social. A autarquia refere a necessidade de criar respostas aos mais vulneráveis e refere mesmo o ‘apoio a compras de produtos essenciais’. Diz isto mas não diz como o faz nem refere contactos para que os idosos o consigam. Alarga de 90 para 120 dias a entrega de despesas de saúde no Cartão Social.

Refere o funcionamento de uma cantina escolar para garantir refeições e suspende os atendimentos presenciais. Diz que quer fazer o ‘ pagamento atempado de comparticipações’ aos idosos. Mas não explica como o vai fazer.

Apoio Económico e Tarifário. Mantém toda a atividade económica contratada.  Alarga prazos de pagamentos. Não diz para quando. Suspende a fiscalização do estacionamento. 

Outras medidas. Pagar aos estabelecimentos o tempo de inatividade das esplanadas. Manter o Complexo Desportivo aberto até às 21h00. Cancela o empréstimo de transportes e encerra o Ponto Jovem. 

Para os funcionários. A autarquia diz reforçar as medidas de proteção individual e coletiva dos trabalhadores. Mas não entra em pormenores de como o vai fazer. Suspende os atendimentos presenciais. Diz ainda querer reforçar os serviços públicos municipais com mais trabalhadores, equipamentos e recursos, incluindo a possibilidade de contratação externa. Nunca diz como o faz levantando muitas dúvidas a referida ‘contratação externa’.

Pinto Sá garante que a desinfeção dos espaços públicos é ‘deitar dinheiro para o lixo’. E refere que o Jardim Público e o Complexo Desportivo continuam abertos porque ‘ as pessoas precisam de espaços para descontrair’.

Ainda quanto à limpeza dos espaços públicos a autarquia emitiu a seguinte informação:

“Relativamente à desinfeção de espaços públicos e após contacto com a Autoridade de Saúde Distrital, a mesma informou que aguarda orientações da Direção-geral de Saúde, embora se considere que nesta fase a limpeza de espaços urbanos não constitui uma prioridade.
Reforçou a necessidade de limpeza de locais e superfícies onde possam permanecer pessoas, nomeadamente espaços internos, superfícies, puxadores de portas, entre outros, de acordo com as orientações da DGS em vigor, medidas implementadas no Município desde o momento em  que foram determinadas.
A Câmara Municipal continuará a acompanhar a evolução da situação em permanência e adotar as medidas necessárias, não poupando esforços quanto ao que tiver que ser feito para combater esta doença.”

É isto que a autarquia refere na informação que presta aos munícipes. Algumas destas medidas são ‘anuladas’ em parte ou na totalidade pelo Estado de Emergência em vigor.

COVID-19: Criada Petição para responsabilizar o presidente da câmara de Évora por falta de medidas preventivas.

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Autarquias

Alcácer do Sal ofereceu 10 mil máscaras cirúrgicas a 12 instituições do concelho

Máscaras foram entregues pela autarquia

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Foto: Bruno Baltazar | TDS

A Câmara Municipal de Alcácer do Sal efetuou a entrega de um total de 10 mil máscaras cirúrgicas de proteção individual a 12 instituições do concelho de Alcácer.

“Distribuídas 10 mil máscaras, uma oferta do Município de Alcácer do Sal”

Associação Unitária de Reformados, Pensionistas e Idosos do Concelho de Alcácer do Sal – AURPICAS, Bombeiros Mistos de Alcácer do Sal, Bombeiros Mistos do Torrão, Associação de Apoio Social de Casebres, Centro Social de Rio de Moinhos, Centro Social de Santa Susana, Centro Social e Paroquial de S. Pedro da Comporta, Associação para o Desenvolvimento do Torrão – ADT, Centro Social e Paroquial do Torrão, Centro Cultural dos Bairros de S. João e Olival Queimado, Santa Casa da Misericórdia de Alcácer do Sal e Santa Casa da Misericórdia do Torrão foram as entidades pelas quais foram distribuídas estas 10 mil máscaras, uma oferta do Município de Alcácer do Sal.

Na mesma formalidade, a EDP efetuou também a entrega de máscaras de proteção individual à Santa Casa da Misericórdia de Alcácer do Sal, à AURPICAS e à Santa Casa da Misericórdia do Torrão.

Continuar a ler

Copyright © 2020 TDS - Rádio e Televisão do Sul | redação: info@televisaodosul.pt 266702926 |Comercial: dialogohabil@gmail.com Publicidade site | rádio: 917278022

error: Content is protected !!