Últimas:
Consumidores do Alentejo reclamam mais e melhores transportes públicos – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos

Sociedade

Consumidores do Alentejo reclamam mais e melhores transportes públicos

A denúncia é da delegação regional do Alentejo da DECO.

Publicado

em

A DECO Alentejo, alertada pelos consumidores da região, identificou um conjunto de problemas relacionados com a rede de transportes públicos.

“Fraca oferta horária dos transportes públicos é a reclamação mais frequente”

Este estudo teve como base diversas reclamações e alertas por parte dos consumidores. A “fraca oferta de horários” e falta de resposta “às reais necessidades dos utilizadores” são duas das falhas mais identificadas.

Os transportes públicos têm horários muito espaçados, não respondendo às reais necessidades dos utilizadores. A ausência de um passe único de preço fixo que agrupe vários tipos de transporte [complementares] e a ausência de informação relativa a todos os descontos existentes, bem como as condições de acesso aos mesmos, são, também, alguns dos problemas reportados.

A DECO Alentejo considera que ainda há um longo caminho a percorrer, particularmente no que concerne à redução tarifária, da qual beneficiam, sobretudo, os passageiros que utilizam diariamente os transportes públicos para as deslocações casa – trabalho.

No âmbito desta analise e tendo em conta as reclamaçoes dos utilizadores, a DECO reivindica a necessidade de implementação de algumas medidas:

• Criar um passe combinado entre os vários tipos de transporte;
• Melhorar a prestação da informação ao consumidor
• Aumentar a frequência da circulação dos transportes intermunicipais e urbanos
• Melhorar a articulação entre esses transportes, facilitando as deslocações das estações de transportes ao centro das localidades;
• Aumentar a oferta de meios de transporte não poluentes, a custos acessíveis.

A instituição salientou que a adoção de um modelo de mobilidade mais robusto e flexível, com uma rede de transportes públicos mais adequada às necessidades dos cidadãos, é necessária para o crescimento económico da uma região.

Sociedade

Homem detido em pleno assalto.

Em Cortiçadas de Lavre.

Publicado

em

Montemor-o-Novo

Detido por furto em interior de residência

O Comando Territorial de Évora, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Montemor-o-Novo e do Posto Territorial de Vendas Novas, no dia 16 de maio, deteve um homem de 26 anos por furto em interior de residência, na localidade das Cortiçadas de Lavre, no concelho de Montemor-o-Novo.

No âmbito de uma denúncia que estaria a decorrer um furto em interior de residência, os militares da Guarda efetuaram diligências policiais que culminaram na recuperação do material furtado, nomeadamente uma motosserra e uma televisão.

O detido foi constituído arguido, e os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Montemor-o-Novo.

Continuar a ler

Crime

Casal detido em campo Maior por furto

Os factos comunicados ao Tribunal Judicial de Elvas.

Publicado

em

Campo Maior

Casal detido em flagrante por furto de metais não preciosos

O Comando Territorial de Portalegre, através do Posto Territorial de Campo Maior, ontem, dia 19 de maio, deteve um homem e uma mulher de 64 e 66 anos, respetivamente, pelo crime de furto de metais não preciosos, em Campo Maior.

Na sequência de uma denúncia que os suspeitos se encontravam introduzidos num centro de armazenamento de resíduos, os militares da Guarda de imediato se deslocaram ao local, onde surpreenderam em flagrante os autores do furto a subtrair diversos materiais ferrosos, nomeadamente um frigorifico, uma caldeira e outros materiais avulsos e em metal, sem qualquer tipo de autorização.

Foi possível apurar-se ainda que os suspeitos entraram no interior do edifício através do corte da vedação, local por onde retiraram os objetos e os carregaram no seu veículo.

O material foi apreendidos e os detidos foram constituídos arguidos.

Os factos comunicados ao Tribunal Judicial de Elvas.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!