Siga-nos

Autarquias

ETAR da Comporta avança com investimento de 3M€

Obra será executada pela Águas Públicas do Alentejo em cooperação com o Município de Alcácer do Sal. Tem como objetivo primário o de tratar os efluentes urbanos da Comporta.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Está assinada a consignação para a construção do sistema de condução de efluentes para a Estação

Teve lugar, no Auditório da Comporta, a assinatura da consignação da empreitada para a construção do Sistema Intercetor da Comporta.

O projeto para a construção da nova ETAR da Comporta, a executar pela Águas Públicas do Alentejo em cooperação com o Município de Alcácer do Sal, tem um investimento global na ordem dos 3 milhões de euros e um prazo de 275 dias previstos para execução, e tem o objetivo primário de tratar os efluentes urbanos da Comporta.

Além da Estação de Tratamento de Águas Residuais, o projeto compreende primeiramente a construção de um sistema intercetor para conduzir os efluentes gerados até à ETAR: uma extensão elevatória e pré-tratamento de efluentes, uma conduta elevatória com 1.7 quilómetros de extensão e um coletor gravítico com 83 metros.

A ETAR da Comporta vai dispor de tecnologia de ponta, com características das quais se destacam o armazenamento de lamas em contentor fechado e encerrado em sala, uma unidade de desodorização (para eliminação de odores) e a produção de água para reutilização como água de serviço.

A infraestrutura tem capacidade para uma população de 2.500 habitantes e capacidade de expansão para 10.000, e foi concebida para funcionar convenientemente tanto na época baixa, para os cerca de 500 ocupantes da aldeia, como na época alta, no verão, quando o número de habitantes dispara para 1500 ou 2000. Face à sensibilidade ambiental e paisagística da zona, a Estação vai ser instalada em localização adequada, numa zona de depressão a sul da EN253, junto ao cruzamento com a EN261.

No ato estiveram presentes, entre outros, o presidente da Câmara Municipal de Alcácer do Sal, Vítor Proença, a vereadora Ana Soares, a presidente da Junta de Freguesia da Comporta, Deolinda Florêncio, e Francisco Narciso, presidente do Conselho de Administração da Águas Públicas do Alentejo.

A cerimónia contou ainda com um representante da empresa Ambiágua, responsável pela empreitada e de João Pedro Teixeira, advogado da Herdade da Comporta. Vai seguir-se, dentro de um mês, a consignação da construção da própria ETAR, à qual ficará ligado o novo intersetor e central elevatória.

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Autarquias

Presidente da câmara de Évora exige conclusão do IP2 e da variante a Évora (vídeo)

Pinto de Sá diz que ‘Évora deverá ser a única cidade do mundo em que um IP passa por dentro de um hospital’.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Declarações de Carlos Pinto de Sá foram reveladas ao Grupo Parlamentar do PCP

Retirar o trânsito do interior da cidade, nomeadamente o trânsito de pesados, é o objectivo imediato do autarca de Évora. Pinto de Sá refere que ‘Évora deverá ser a única cidade do mundo que tem um IP a passar pelo meio de um hospital’.

O presidente da autarquia diz existir ‘muita urgência’ na conclusão da obra que foi ’embargada’ no tempo de Pedro Passos Coelho enquanto primeiro ministro.

PCP faz jornadas parlamentares em Évora, hoje e amanhã.

As declarações surgiram durante a visita do Grupo Parlamentar do PCP a obras do IP2 que não foram concluídas.

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Dezembro 2019
S T Q Q S S D
« Nov    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul