Últimas:
Censos 2021: Alentejo foi a região com maior decréscimo populacional. – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos

Sociedade

Censos 2021: Alentejo foi a região com maior decréscimo populacional.

Região perdeu mais população do em qualquer outra região

Publicado

em

Censos 2021

“Divulgação dos Resultados Preliminares”

O INE divulga hoje os Resultados Preliminares do XVI Recenseamento Geral da População e VI Recenseamento Geral da Habitação – Censos 2021.

A TDS está em condições de avançar um dos dados que mais diz respeito ao Alentejo: a diminuição de população nos últimos 10 anos com um percentagem superior à média nacional.

Na última década Portugal regista um decréscimo populacional de 2,0% e acentua o padrão de litoralização e concentração da população junto da capital.

O Algarve e a Área Metropolitana de Lisboa são as únicas regiões que registam um crescimento da população, sendo o Alentejo aquela que regista o decréscimo mais expressivo.

Os Resultados Preliminares dos Censos 2021 revelam que a população residente em Portugal é 10 347 892.

Outros dados

Portugal registou um ligeiro crescimento do número de edifícios e de alojamentos destinados à habitação, embora num ritmo bastante inferior ao verificado em décadas anteriores.

Os primeiros resultados dos Censos 2021 têm um carácter preliminar, na medida em que são baseados em contagens resultantes do processo de recolha (edifícios, alojamentos, agregados e indivídiuos) e divulgados antes do processo final de tratamento e validação da informação recolhida, os quais fornecendo facilidade e rapidez no acesso destinam-se essencialmente a antecipar as necessidades dos utilizadores.

Os Resultados Preliminares estão disponíveis até ao nível geográfico de freguesia e acessíveis na Plataforma de Divulgação dos Censos 2021 – Resultados Preliminares, disponível em censos.ine.pt.

Sociedade

Festival Aéreo em Beja. Veja as melhores imagens.

Veja o resumo da manhã.

Publicado

em

Festival Aéreo da FAP

70 anos da Força Aérea

Cerca de 70 mil pessoas, segundo a organização, marcaram presença no derradeiro dia das comemorações dos 70 anos da Força Aérea Portuguesa.

Veja as melhores imagens da manhã.

Continuar a ler

Sociedade

Fortes restrições no trânsito em Beja

Trânsito parado com longas filas

Publicado

em

Festival aéreo na BA11

São  esperadas mais de 70 mil pessoas para o Festival Aéreo que irá ter lugar na BA11.

O Festival encerra as festividades dos 70 anos da Força Aérea Portuguesa.

O IP2 está a sofrer forte pressão de trânsito com longas demoras.

Continuar a ler

Sociedade

Cordão humano hoje em Tróia para proteger as dunas

Concentração na Praia Atlântica, Soltroia.

Publicado

em

Mapa de empreendimentos construídos e a construir na zona de Tróia

Plataforma Duna Livres

“Protesto na praia”

É hoje o protesto contra as novas construções na zona de Tróia. Esta é uma notícia que a TDS já tinha divulgado. (veja AQUI)

A organização (Plataforma Dunas Livres) refere que ‘Não podemos permitir que o Plano de Urbanização da Península de Tróia se concretize por completo, que os relvados de golf e aldeamentos balneares avancem pelo litoral; nem que mais água seja sugada enquanto a seca agrava; nem que mais uma região seja desapropriada da sua gente, privatizada para o turismo de elites, acabando-se em poucos anos com o que levou milhares de anos à Natureza a criar; e muito menos podemos continuar a perpeturar a sobreposição dos interesses económicos à sustentabilidade ecológica, ambiental, social e cultural”, conclui.

a história

Grão a grão, maré após maré durante milhares de anos, a península de Tróia cresceu do encontro dos sedimentos trazidos pelas correntes oceânicas, de um lado, e pelo Estuário do Sado, do outro. Os 40 kms de praia a partir dali são o pouco que resta de costa selvagem em Portugal, na Europa e talvez no mundo. São lagoas, sapais e dunas, reservas de uma biodiversidade única.

A construcção de vários mega-empreendimentos já está em curso, acompanhada pela destruição de habitats dunares e usurpação de água. Resorts, campos de golfe, casas de férias, piscinas, jardins, estradas e bares de praia.

Continuar a ler

ÚLTIMAS

Facebook

x
error: O conteúdo está protegido!!