Siga-nos

Agenda

Carlos Figueira expõe “Janelas do Alentejo” em Alcáçovas.

O Paço dos Henriques, acolhe de 19 de junho a 23 de agosto, a Exposição.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

O Paço dos Henriques, em Alcáçovas, acolhe de 19 de junho a 23 de agosto, a Exposição “Janelas do Alentejo”, um projeto de Carlos Figueira.

“Carlos Figueira expõe “Janelas do Alentejo” no Paço dos Henriques”

A exposição surge no âmbito do projeto com o mesmo nome que teve início em 1993 e, é hoje, uma marca registada que pretende divulgar o património alentejano, através da interpretação de elementos arquitetónicos e outros.

As 40 peças em exposição, réplicas ou interpretações dos elementos originais, são feitas à mão com recurso a técnicas artesanais.

Natural de São Miguel de Machede, no concelho de Évora, Carlos Figueira, professor aposentado de educação visual e tecnológica, considera as Janelas do Alentejo um “portal de acesso à memória cultural de um povo rico em tradições”.

A exposição, promovida pelo Município de Viana do  Alentejo, pode ser visitada de terça-feira a domingo, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

Agenda

Associações culturais de Montemor-o-Novo ‘matam’ fome de cultura.

Iniciativa decorre até 19 deste mês de setembro.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Foto: Alma D'Arame

Alma d’Arame e Oficinas do Convento retomaram a atividade cultural

“ReToma, duas associações unem-se em prol da cultura para evento único”

  • 41 eventos culturais acontecem durante oito dias em Montemor o-Novo;
  • Teatro, música, cinema, exposições e workshops são algumas das atividades que o publico vai encontrar no ReToma;

As Associações de âmbito cultural Alma d’Arame e Oficinas do Convento retomaram a atividade cultural com uma iniciativa conjunta a que deram o nome de “ReToma”.

Trata-se de um evento único, de carácter multidisciplinar, que entre os dias 10 e 19 de setembro está a invadir a cidade de Montemor o-Novo com um conjunto de espetáculos performativos nas áreas do teatro, cinema, performances, concertos, exposições e workshops.

Neste evento, o público é convidado a circular por Montemor-o-Novo e assistir aos espetáculos ao ar livre, em jardins, mercados, ruas ou pátios que dão palco a esta iniciativa.

«ReToma, queremos com este nome transmitir a ideia de fazer acontecer, mostrar que ultrapassamos os constrangimentos recentes, transversais a toda a sociedade, e que por isso estamos aqui, mais fortes do que nunca para fazer acontecer», afirma Tiago Fróis, Director Artístico do Oficinas do Convento.

Amândio Anastácio, diretor artístico da Alma d’Arame, afirma por sua vez «As duas associações têm propósitos distintos, mas partilham também muito em comum para além do espaço de Montemor-o-Novo onde coabitam, têm vontade de fazer e ir mais além.

Por isso preparamos um conjunto de performances artísticas, de várias áreas, que vão proporcionar ao público que vier assistir, uma experiência ímpar, rica e esperemos que satisfatória para saciar a “fome” de cultura dos últimos meses».

Veja AQUI a programação. Veja AQUI filme de espetáculo já realizado.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade

OUTRAS NOTÍCIAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Categorias

ARQUIVO

error: Content is protected !!