Siga-nos

Autarquias

Câmara de Moura responde a Junta de Freguesia de Sobral da Adiça. (veja comunicado)

A TDS transcreve, na integra, o comunicado enviado à redação após a tomada de posição da Junta de Freguesia de Sobral da Adiça

TDS noticias

Publicado

em

 Nota de esclarecimento 

Após divulgação, na comunicação social, de nota de imprensa emitida pela Junta de Freguesia de Sobral da Adiça, onde se refere que a informação avançada pela Câmara Municipal de Moura, sobre os trabalhos de reparação de caminhos rurais e agrícolas, é “uma falsa verdade, com objetivos políticos”, entende O Presidente da Câmara Municipal de Moura que devem ser feitos alguns esclarecimentos. 

A atual Câmara Municipal de Moura tem como compromisso manter a população do seu concelho informada acerca do trabalho que desenvolve nas mais variadas áreas. No que toca à reparação de caminhos rurais e agrícolas, não é diferente. Recorde-se que a reparação em caminhos vicinais foi retomada em 2018, após um período de cerca de 8 anos em que não houve qualquer intervenção a este nível. 

Para dar início à reparação destes caminhos o município desenvolveu contatos com todas as juntas de freguesia no sentido de reunir consensos para que estas fossem parceiras no decurso deste processo. Nos contactos estabelecidos foi solicitado a todas as Juntas de Freguesia que sinalizassem os caminhos a intervencionar. 

A 29 de maio de 2018, o Presidente da Junta de Freguesia de Sobral da Adiça, informou a Câmara Municipal de Moura que a proposta apresentada pelo município não ia ao encontro das capacidades financeiras dessa Junta, pelo que não poderia aceitar a proposta apresentada para reparação de caminhos. Reafirmamos que todas as Juntas de Freguesia aceitaram a proposta apresentada e sinalizaram caminhos, com a exceção da Junta de Freguesia de Sobral da Adiça. 

A Câmara Municipal de Moura iniciou, este ano, uma ação de descentralização que tem permitido promover reuniões entre o executivo do município, os executivos de cada uma das Juntas de Freguesia e munícipes, em todas as localidades do concelho. A reunião com a Junta de Freguesia de Sobral da Adiça realizou-se no passado dia 18 de julho, tendo ficado acordado que essa mesma Junta iria proceder ao calcetamento e betonagem de buracos nas vias, resultantes das roturas na rede de águas, compensando a despesa dessas prestações de serviços com os possíveis valores a pagar, pela Junta de Sobral da Adiça, relativos aos encargos com recursos humanos, no âmbito da reparação de caminhos vicinais efetuada pela Câmara Municipal de Moura. A verdade é que até ao dia de hoje os serviços municipais continuam sem receber, da Junta de Freguesia de Sobral da Adiça, a sinalização de qualquer caminho para reparação. 

De igual forma, na sessão da Assembleia Municipal de Moura, de 26 de junho, o Presidente da Câmara Municipal, Álvaro Azedo, esclareceu que foi aprovado um empréstimo no qual estão consignados trezentos mil euros para pavimentação nas freguesias do concelho, onde se inclui a reparação da E.M.536, que liga Sobral da Adiça a Santo Aleixo da Restauração, bem como do C.M. 1050 – Fernão Teles. Refira-se ainda que relativamente a estas vias, os serviços municipais irão realizar pequenas reparações nas zonas com maior índice de degradação, até ao início dos trabalhos de requalificação. 

A Câmara Municipal de Moura trata todas as Juntas de forma igual, paga às Juntas de Freguesia escrupulosamente todos os seus compromissos e não serve de bode expiatório no tocante às responsabilidades do Presidente da Junta de Freguesia de Sobral da Adiça para com os seus fregueses. 

Continuaremos a fazer de cada Junta de Freguesia um parceiro e isso inclui a freguesia de Sobral da Adiça. 

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Autarquias

Presidente da Câmara de Évora informou 1°ministro sobre protocolo em que alentejanos tem passes mais baratos.(video tds)

Conversa entre Pinto Sá e Antônio Costa aconteceu na Embraer em Évora

TDS noticias

Publicado

em

Os alentejanos vão passar a pagar um preço máximo de 40 euros por mês no valor das assinaturas de linha da Rodoviária do Alentejo para viagens realizadas para a Área Metropolitana de Lisboa, Alentejo Central e Algarve.

A medida, negociada no âmbito do Plano de Apoio à Redução do Tarifário dos Transportes Públicos, foi formalizada esta tarde com a assinatura dos contratos inter-administrativos relativos à partilha de competências de Autoridade de Transportes no Serviço Público de Transporte de Passageiros Inter-regional, entre a Comunidade Intermunicipal do Alentejo Litoral (CIMAL), a Área Metropolitana de Lisboa (AML); a Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central (CIMAC) e a Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL).

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Agosto 2019
S T Q Q S S D
« Jul    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul