Últimas:
Bombeiros de Viana do Alentejo irão receber reforços – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos
blank

Sociedade

Bombeiros de Viana do Alentejo irão receber reforços

Prótocolo tem validade de três anos

Ana Catarina Ventura

Publicado

em

Imagem: Câmara Municipal de Viana do Alentejo

Prótocolo visa criar uma segunda equipa de Intervenção

“EIP é constituída por cinco bombeiros”

Foi assinado no passado dia 3 de agosto, um protocolo que visa a criação de uma segunda Equipa de Intervenção Permanente (EIP) que tem por missão assegurar, em permanência, serviços de socorro às populações.

A Equipa de Intervenção Permanente é constituída por cinco bombeiros que exercem a sua atividade todos os dias úteis, por um período semanal de 40 horas.

À semelhança do que aconteceu com a primeira EIP, cujo protocolo foi assinado em 2012, ao Município caberá a responsabilidade de assegurar 50% dos custos decorrentes da remuneração dos elementos que integram a equipa, cabendo à ANEPC suportar os restantes 50%.

O presente protocolo é válido por um período de três anos, sendo renovado automaticamente por igual período, caso não seja denunciado por qualquer das partes.

De salientar que o Município de Viana, desde o início da pandemia, reforçou os apoios à corporação de bombeiros local, à Delegação de Alcáçovas da Cruz Vermelha Portuguesa e às IPSS do concelho, para além da implementação de medidas de âmbito social, destinadas às empresas e às famílias.

Saúde

Covid 19: Alentejo com 37 novos casos e duas mortes.

7 mortes e 766 novos casos no país.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Boletim DGS

” 37 novos casos “

Portugal tem mais sete mortes e 766 casos de infeção por SARS-CoV-2

Nas últimas 24 horas, Portugal registou mais sete mortes devido à Covid-19 e 766 casos de SARS-COV-2 , de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde que acabou de ser divulgado.

As regiões de Lisboa e Vale do Tejo (230) e a região Norte (226) concentram 59,5% das novas infeções de SARS-CoV-2 no país.

Segue-se a região Centro, com 171 casos, o Algarve com 62, o Alentejo com 37, os Açores com 28 e a Madeira com 12.

O boletim da DGS revela que das sete mortes das últimas 24 horas devido à Covid-19, seis (cinco mulheres e um homem) foram de pessoas com mais de 80 anos. O outro óbito registado foi de um homem entre os 70 e os 79 anos.

Em termos geográficos, três das mortes registaram-se na região Centro, duas em Lisboa e Vale do Tejo e outras duas no Alentejo.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!