Últimas:
Avis e Mourão em risco muito elevado. Saiba quais as restrições. – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos

Saúde

Avis e Mourão em risco muito elevado. Saiba quais as restrições.

São os dois únicos concelhos em risco máximo.

Publicado

em

Risco muito elevado

“Novos concelhos com restrições”

Os concelhos de Mourão e de Avis passam a pertencer ao grupo de concelhos de risco muito elevado de incidência de covid-19.

Isto significa que vão sofrer as medidas mais severas.

Em conferência de imprensa, após a reunião do Conselho de Ministros, em Lisboa, a ministra de Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva, disse que a medida de limitação da circulação na via pública, diariamente, entre as 23:00 e as 05:00, mantém-se para os concelhos em risco elevado e muito elevado.

Entre eles estão os concelhos alentejano de Avis e Mourão.

Aumentaram assim de 19 para 33 os concelhos de risco muito elevado de incidência de covid-19, juntando-se a Albufeira, Almada, Amadora, Barreiro, Cascais, Lisboa, Loulé, Loures, Mafra, Mira, Moita, Odivelas, Oeiras, Olhão, Seixal, Sesimbra, Sintra e Sobral de Monte Agraço outros 15 municípios que agora recuam no plano de desconfinamento, designadamente Alcochete, Arruda dos Vinhos, Avis, Faro, Lagos, Lourinhã, Montijo, Mourão, Nazaré, Porto, Santo Tirso, São Brás de Alportel, Silves, Vagos e Vila Franca de Xira.

O nível de risco muito elevado é aplicado aos concelhos que registem, pela segunda avaliação consecutiva, uma taxa de incidência de covid-19 superior a 240 casos por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias (ou superior a 480 se forem concelhos de baixa densidade populacional).

Saúde

Conferência: O papel do cuidador e a sua saúde mental.

Decorre em Évora a 25 de maio.

Publicado

em

Cantinho do Cuidador

O projeto Cantinho do Cuidador, projeto de profissionais de saúde do da Unidade de Cuidados na Comunidade do centro de Saúde de Évora, procura chegar a todos os Cuidadores Informais do Concelho de Évora com ações que visam a capacitação para o papel de cuidador, mas também promovendo o seu bem-estar e prevenindo os elevados níveis de exaustão a que esta atividade está sujeita.

Em curso desde 2019, encontra-se agora retoma as atividades de grupo pós pandemia, com + uma sessão, desta vez a acontecer no próximo dia 25 de maio pelas 16h na Fundação Eugénio de Almeida, sobre o tema “a Saúde mental do Cuidador“.

Sabendo-se que quem está nesta condição de Cuidar de alguém doente/dependente, está muitas vezes isolado em casa, a nossa experiência diz-nos que a divulgação destas iniciativas com recurso aos órgãos de comunicação social é uma boa forma da informação chegar a quem dela precisa.

Continuar a ler

Educação

Cantina de escola em Évora deixa de funcionar devido a casos de covid-19

Vários professores e assistentes operacionais infetados

Publicado

em

Os alunos da escola Conde de Vivalva em Évora vão ficar sem refeitório já a partir de amanhã e por tempo indeterminado devido a vários casos de covid-19 entre funcionários do estabelecimento de ensino.

Para além de casos positivos em auxiliares e assistentes técnicos há também professores com teste positivo à covid-19 o que leva a constrangimentos também no que diz respeito às aulas. 

A Escola Básica Conde de Vilalva, iniciou a sua atividade em 1993, e situa-se no Bairro do Bacelo, em Évora.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!