Siga-nos

Tecnologia

António Costa assina em Évora contratos de 827M€ para compra de 5 aviões KC-390

A primeira parcela de pagamentos, no valor de 32,2 milhões de euros, será feita ainda em 2019, num calendário que irá até 2030, somando 827 milhões de euros, o montante previsto na Lei de Programação Militar, estabelece a resolução.

Carla Correia

Publicado

em

Contratos para a compra de cinco aviões brasileiros KC-390, substitutos dos Hércules C-130, valem 827 milhões de euros.

O negócio inclui a aquisição de um simulador de voo e a manutenção das aeronaves nos primeiros 12 anos de vida.

O primeiro-ministro, António Costa, assinou esta quinta-feira, em Évora, os contratos para a compra de cinco aviões brasileiros KC-390, substitutos dos Hércules C-130, por um total de 827 milhões de euros.

O primeiro destes aviões de carga e transporte do grupo brasileiro Embraer será entregue à Força Aérea Portuguesa (FAP) em fevereiro de 2023, seguindo-se mais um por cada ano até fevereiro de 2027, no âmbito dos contratos.

O Governo vai criar uma missão para acompanhar e fiscalizar o programa e contratos de aquisição das aeronaves KC-390, cuja despesa ascende a 827 milhões de euros até 2030, de acordo com uma resolução de Conselho de Ministros publicada em Diário da República em 29 de julho.

Portugal é o primeiro país europeu a adquirir os KC-390, que são produzidos maioritariamente no Brasil, com componentes fabricados no Parque da Indústria Aeronáutica de Évora, de acordo com o Ministério da Defesa Nacional.

Segundo João Gomes Cravinho, ministro da defesa, o KC-390 tem “características inovadoras porque é de alcance intercontinental”, sendo “um avião com dois motores, mas com capacidades que normalmente apenas os aviões de quatro motores conseguem atingir”.

(Foto e Imagem Bruno Baltazar )

Oiça a TDS em Évora AQUI

Tecnologia

Beja tem a internet mais rápida no Alentejo e Portalegre a mais lenta.

A Deco Proteste analisou os valores médios de ‘download’ (descarregamento) de todos os 18 distritos e das Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira, verificando que é no Norte e no Centro que se encontra a maior diferença.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Braga é o distrito onde a Internet móvel atinge maior velocidade em todo país, com uma velocidade média de download de 28,1 Megabits por segundo (Mbps), revela um estudo da Deco Proteste.

A Deco Proteste analisou os valores médios de ‘download’ (descarregamento) de todos os 18 distritos e das Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira, verificando que é no Norte e no Centro que se encontra a maior diferença.

Braga (28,1 Mbps), Guarda (21,8 Mbps), Beja (21,2 Mbps) e Lisboa (20,8 Mbps) são os distritos onde a velocidade média de ‘download’ é maior.

Por seu lado, Vila Real (10 Mbps), Santarém (10 Mbps), Portalegre (10 Mbps) e Coimbra (10,7 Mbps) são os que apresentam menor velocidade.

No Alentejo e no Algarve, verifica-se que Évora conta com uma velocidade média de 18,9 Mbps, Setúbal de 18 Mbps e Faro de 18 Mbps.

A Deco Proteste examinou ‘smartphones’ de cerca de 35 mil utilizadores que utilizaram a aplicação QualRede, que informa sobre qual é a operadora – Vodafone, MEO e NOS – que fornece melhor internet móvel.

A publicação descreveu ainda que já foram feitas medições para 112 dos 308 concelhos que estão detalhadas no mapa de velocidade, na internet.

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Novembro 2019
S T Q Q S S D
« Out    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul