Siga-nos

Crime

‘Amor Assim Não’, é campanha contra a violência doméstica

Campanha visa contribuir para a mudança de comportamentos da sociedade e para a progressiva intolerância social face à violência doméstica

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Visando contribuir para a prevenção e o combate à violência doméstica, a Guarda Nacional Republicana (GNR) e a Delta Cafés promovem, o lançamento de uma campanha de sensibilização, a nível nacional, que será materializada na difusão de mensagens impressas em pacotes de açúcar, através da adaptação de provérbios populares portugueses ao tema da violência doméstica.

Para além de ser um crime, tantas vezes com consequências fatais, a violência doméstica constitui uma preocupação prioritária da GNR, à qual a Delta Cafés se quis associar. Trata-se, pois, de uma iniciativa enquadrada numa estratégia de consciencialização, que visa contribuir para a mudança de comportamentos da sociedade e para a progressiva intolerância social face à violência doméstica, uma vez que este flagelo impõe a adoção de estratégias multissetoriais e de respostas rápidas de múltiplas naturezas.

O evento será presidido pelo Ministro da Administração Interna, Dr. Eduardo Cabrita, contando ainda com a presença da Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Professora Doutora Rosa Monteiro, do Comandante-Geral da GNR, Tenente-General Luís Francisco Botelho Miguel, e do presidente do Grupo Nabeiro, Comendador Rui Nabeiro.

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Crime

Ourique – Três detidos pelo crime de lenocínio

A ação contou com o reforço do Destacamento de Intervenção de Beja e do Destacamento Territorial de Aljustrel.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

O Comando Territorial de Beja, através do Núcleo de Investigação Criminal de Aljustrel, deteve dois homens e uma mulher, com idades entre os 50 e os 73 anos, pelo crime de lenocínio, no concelho de Ourique.

No âmbito de uma investigação, os militares apuraram que os suspeitos geriam um estabelecimento de diversão noturna e que, no mesmo edifício, tinham quartos destinados à prática de prostituição. No seguimento das diligências, foram realizadas duas buscas domiciliárias e uma busca em veículo, destacando-se a apreensão de:

·         4235 euros em numerário;

·         Seis telemóveis;

·         Dezenas de artigos e documentos relacionados com a prática do crime de lenocínio.

Os três detidos, um deles com antecedentes criminais pelo mesmo tipo de crime, ficaram detidos nas instalações da GNR até serem presentes, ontem dia 12 de novembro, ao Tribunal Judicial da Comarca de Ourique, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de proibição de contactos entre eles e apresentações semanais nos postos policiais das áreas de residência. A mulher encontrava-se em situação irregular em território nacional, tendo sido notificada para comparecer no Serviço de Estrangeiros e Fronteiras.

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Novembro 2019
S T Q Q S S D
« Out    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul