Siga-nos

Crime

‘Amor Assim Não’, é campanha contra a violência doméstica

Campanha visa contribuir para a mudança de comportamentos da sociedade e para a progressiva intolerância social face à violência doméstica

TDS noticias

Publicado

em

Visando contribuir para a prevenção e o combate à violência doméstica, a Guarda Nacional Republicana (GNR) e a Delta Cafés promovem, o lançamento de uma campanha de sensibilização, a nível nacional, que será materializada na difusão de mensagens impressas em pacotes de açúcar, através da adaptação de provérbios populares portugueses ao tema da violência doméstica.

Para além de ser um crime, tantas vezes com consequências fatais, a violência doméstica constitui uma preocupação prioritária da GNR, à qual a Delta Cafés se quis associar. Trata-se, pois, de uma iniciativa enquadrada numa estratégia de consciencialização, que visa contribuir para a mudança de comportamentos da sociedade e para a progressiva intolerância social face à violência doméstica, uma vez que este flagelo impõe a adoção de estratégias multissetoriais e de respostas rápidas de múltiplas naturezas.

O evento será presidido pelo Ministro da Administração Interna, Dr. Eduardo Cabrita, contando ainda com a presença da Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Professora Doutora Rosa Monteiro, do Comandante-Geral da GNR, Tenente-General Luís Francisco Botelho Miguel, e do presidente do Grupo Nabeiro, Comendador Rui Nabeiro.

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Crime

100 quilos de Lapas apreendidas em Sines

As lapas, por se encontrarem em boas condições de sobrevivência, foram devolvidas ao habitat natural.

TDS noticias

Publicado

em

A Unidade de Controlo Costeiro, através do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Sines, apreendeu 100 quilos de lapas, com o valor estimado de 500 euros, no concelho de Sines.

Na sequência de uma ação de fiscalização dirigida ao transporte de pescado realizada no parque de estacionamento da Praia de Morgavel, os militares detetaram um indivíduo a apanhar marisco e abordaram-no no local onde se encontrava, sendo que já tinha 100 quilos de lapas na sua posse.

A pesca de lapas está sujeita a uma proibição temporária, correspondendo a uma infração cuja coima pode chegar aos 2 250 euros. O mariscador, de 57 anos, foi identificado, e foi elaborado um auto de contraordenação.

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Setembro 2019
S T Q Q S S D
« Ago    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul - Web Development by IDEIAS FRESCAS https://ideiasfrescas.com