Últimas:
Alentejo não chega aos 100 novos infetados por COVID-19 – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos
blank

Saúde

Alentejo não chega aos 100 novos infetados por COVID-19

Internamentos desceram.

Ana Catarina Ventura

Publicado

em

Boletim DGS

“Alentejo com casos mais baixos do Continente”

Alentejo registou 85 dos 2232 novos infetados contabilizados em Portugal e somou mais duas mortes das 17 no Continente.

O Norte registou mais 794 novos casos de COVID-19 e duas mortes. Logo a seguir, Lisboa e Vale do Tejo com 747 novos casos e 13 mortes, bem mais que a metades das 17.

O Centro do país somou outros 307 novos casos e o Algarve 207, ambos sem mortes.

Os Açores registaram 63 novos casos e Madeira 29, sem mortes.

Nos internamentos em enfermaria, estão menos 28 pessoas internadas, num total de 829. Nos Cuidados Intensivos, são menos três pessoas, num total de 186.

Os recuperados voltaram a subir, com mais mais 3705 pessoas a recuperarem da doença.

Saúde

Barrancos, o concelho do país com risco mais elevado.

Covid 19

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Barrancos

“Risco extremamente elevado”

Barrancos é agora o único concelho do país em risco extremamente elevado de Covid-19, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

O concelho alentejano regista uma incidência cumulativa a duas semanas de 1.171 casos de Covid-19 por 100 mil habitantes.

Portugal tem sete concelhos com risco muito elevado, ou seja, entre 480 e 959,9 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias.

Concelhos com risco muito elevado:

Albufeira (489), Alcoutim (674), Celorico da Beira (519), Penela (594), Póvoa de Lanhoso (489), São Brás de Alportel (501) e Vidigueira (566).

Concelhos em risco elevado:

Aljustrel, Amares, Beja, Boticas, Cabeceiras de Basto, Covilhã, Fafe, Lagoa (Algarve), Lagos, Loulé, Monchique, Montalegre, Portel, Portimão, Rio Maior, Serpa, Silves, Valpaços e Vila Nova de Foz Côa.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!