Siga-nos

Crime

Alcochete – Apreensão de 100 quilos de amêijoa-japonesa por falta de registo

Os bivalves, por se encontrarem ainda vivos, foram devolvidos ao seu habitat natural.

TDS noticias

Publicado

em

O Comando Territorial de Setúbal, através do Posto Territorial de Alcochete, nos dias 1 e 2 de agosto, apreendeu 100 quilos de amêijoa-japonesa, Ruditapes philippinarum, por falta de documento de registo, em Samouco – Alcochete.

No âmbito de uma fiscalização rodoviária realizada junto ao Rio Tejo, na zona da praia do Samouco, os militares detetaram um veículo que transportava bivalves em situação irregular, em virtude dos dois infratores não possuírem o cartão de mariscador, documento obrigatório para habilitar a prática desta atividade. Os referidos bivalves não se faziam acompanhar da documentação comprovativa da origem da amêijoa, o que resultou na sua apreensão.

A GNR alerta que a captura deste tipo de bivalves, sem que os mesmos sejam sujeitos a depuração ou ao controlo higiossanitário, pode colocar em causa a saúde pública, caso sejam introduzidos no consumo, devido à possível contaminação com toxinas, sendo o documento comprovativo da origem do bivalve fulcral para a prevenção da introdução de forma irregular no consumo.

Desta ação resultou na identificação de dois homens, de 34 e 39 anos, sendo elaborados os respetivos autos de notícia por contraordenação, em virtude de os mesmo não se fazerem acompanhar dos respetivos documentos comprovativos da origem da amêijoa, e por não terem cartão de mariscador, correspondendo a uma coima até 3 740 euros.

Continuar a ler
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

avatar
700

Crime

100 quilos de Lapas apreendidas em Sines

As lapas, por se encontrarem em boas condições de sobrevivência, foram devolvidas ao habitat natural.

TDS noticias

Publicado

em

A Unidade de Controlo Costeiro, através do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Sines, apreendeu 100 quilos de lapas, com o valor estimado de 500 euros, no concelho de Sines.

Na sequência de uma ação de fiscalização dirigida ao transporte de pescado realizada no parque de estacionamento da Praia de Morgavel, os militares detetaram um indivíduo a apanhar marisco e abordaram-no no local onde se encontrava, sendo que já tinha 100 quilos de lapas na sua posse.

A pesca de lapas está sujeita a uma proibição temporária, correspondendo a uma infração cuja coima pode chegar aos 2 250 euros. O mariscador, de 57 anos, foi identificado, e foi elaborado um auto de contraordenação.

Continuar a ler
Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

OUTRAS NOTÍCIAS

Categorias

Comentários

ARQUIVO

CALENDÀRIO

Setembro 2019
S T Q Q S S D
« Ago    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Top

Copyright © 2019 TDS - Rádio e Televisão do Sul - Web Development by IDEIAS FRESCAS https://ideiasfrescas.com