Últimas:
A maior plataforma de mobilidade europeia chega ao Alentejo – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos
blank

Sociedade

A maior plataforma de mobilidade europeia chega ao Alentejo

Évora foi a cidade escolhida.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Bolt, a principal plataforma de mobilidade europeia, alarga a sua área de atuação no interior do país, com a chegada à histórica cidade de Évora, onde já está a realizar viagens.

“Bolt chega à primeira cidade no Alentejo “

David Ferreira da Silva, responsável pela Bolt em Portugal, explica: “esta expansão vem colmatar uma necessidade essencial, numa nova região onde sabemos que a rede de transportes é bastante condicionada. 

Sendo a nossa missão tornar as viagens mais fáceis, cómodas e seguras, faz todo o sentido estarmos presentes num território onde poderemos  ajudar a melhorar a mobilidade de todos os que lá vivem e trabalham.”

A Bolt tem vindo a reforçar a sua presença de norte a sul de Portugal, disponibilizando os seus serviços a mais de 80% da população. 

Além de Lisboa, Porto e Algarve, já atua em cidades na zona norte como Braga, Aveiro, Leiria, Guimarães, Coimbra, Águeda, Figueira da Foz, Matosinhos e Vila Nova de Gaia, e na zona centro, em cidades como Estoril, Cascais, Ericeira, Setúbal e Alverca do Ribatejo. 

A Bolt continua também a aumentar o número de cidades onde é possível viajar na categoria Bolt Protect, que inclui a colocação de uma proteção de acrílico transparente entre os assentos dos passageiros e do motorista, com o objetivo de proporcionar viagens ainda mais seguras.

Para utilizar a App, basta fazer o download num dispositivo iOS e Android, criar conta e introduzir um método de pagamento.

Atualmente, a Bolt tem 30 milhões de clientes em mais de 35 países em todo o mundo e tornou-se líder no serviço de ride-hailing na Europa e na África, permitindo que os utilizadores acedam a viagens mais rápidas e ecológicas nos centros urbanos.

Justiça

Juiz Ivo Rosa levanta arresto da propriedade da ex mulher de Sócrates, em Montemor o Novo.

Em causa o Monte das Margaridas propriedade de Sofia Fava.

Rádio e Televisão do Sul | TDS

Publicado

em

Arresto levantado ao Monte das Margaridas, em Montemor-o-Novo.

” Operação Marquês “

No despacho instrutório, proferido na sexta-feira, o juiz Ivo Rosa ordenou o levantamento imediato do arresto de vários bens imóveis dos arguidos, designadamente o Monte das Margaridas, em Montemor-o-Novo, adquirido pela ex-mulher de Sócrates Sofia Fava.

“Tendo em conta a decisão de não pronúncia relativamente aos crimes ora em causa, quanto aos saldos bancários apreendidos e bens imóveis arrestados, verifica-se que não existem indícios que as quantias e bens imóveis em causa são produto dos crimes de corrupção passiva de titular de cargo político imputados ao arguido José Sócrates”, lê-se no despacho.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!