Últimas:
5 mil e quinhentos visitaram a mostra de vinhos de Fernando Pó. – TDS Radio e Televisão do Sul
Siga-nos

Últimas

5 mil e quinhentos visitaram a mostra de vinhos de Fernando Pó.

Veja quem venceu o concurso de vinhos

Publicado

em

Mostra de Vinhos em Fernando Pó recebeu 5.500 visitantes em ano de regresso

A Mostra de Vinhos em Fernando Pó, que decorreu entre 29 de abril e 1 de maio, recebeu cerca de 5.500 visitantes, em ano de 25.º aniversário e de regresso ao formato habitual, depois de uma interrupção de dois anos devido à pandemia.

Prova e exposição de vinhos, gastronomia, animação musical, provas de vinhos comentadas e iniciativas que promovem o enoturismo foram os principais ingredientes do evento que, mais uma vez, deu a conhecer e promoveu o que de melhor se produz em Poceirão e Marateca.

Na inauguração da Mostra, Bruno Pedroso, Presidente da Comissão Organizadora, realçou que, depois de dois anos em que não estiveram reunidas as condições para realizar o evento em formato presencial, a Mostra está de volta «com muita força». Bruno Pedroso agradeceu o apoio da Câmara Municipal de Palmela, da União das Freguesias de Poceirão e Marateca e de todos os produtores participantes e destacou as grandes novidades deste ano: o 1.º Concurso da Mostra de Vinhos – Brancos e o Prémio Escolha do Público.

«Temos muito orgulho de conseguirmos estar hoje aqui reunidos e muita satisfação por vos reencontrar. Este é um dia especial para a aldeia vinhateira de Fernando Pó, por estar de regresso, no seu conhecido formato, um dos mais prestigiados eventos que se realizam no concelho», afirmou o Vereador da área do Desenvolvimento Económico, Luís Miguel Calha.

A Mostra, sublinhou, «é um evento que nos enche a todos de orgulho, prestigia o concelho e a região, projeta no país a superior qualidade dos nossos vinhos e a notoriedade do nosso território» e que «tem vindo a afirmar-se como um evento de sucesso». Manifestando a disponibilidade do Município para continuar sempre a apoiar esta iniciativa, agradeceu o «empenho, dedicação e amor a Fernando Pó» da Comissão Organizadora.

Também a Presidente da União das Freguesias, Cecília Sousa, deu «os parabéns à Comissão pela coragem de, tão rapidamente, colocar de pé esta Mostra», com um «programa riquíssimo, com oportunidade para várias experiências».

Recorde-se que, em 2021, a Mostra decorreu em formato digital, tendo sido criada, com o apoio do Município, uma loja de vinhos online (https://mostradevinhos.pt), disponível de forma permanente e aberta a todas/os as/os produtoras/es que queiram comercializar os seus produtos através desta plataforma.

25.º Concurso da Mostra de Vinhos – Tintos

1.º – Adega do Canivete

2.º – Agrosilvestre, Lda.

3.º – Quinta do Monte Alegre

4.º – Casa Ermelinda Freitas

5.º – JB Freitas, Lda.

6.º – Fernando Carreira

7.º – Fernão Pó Adega

8.º – Vinhos Althiago

9.º – Naciolindo Baeta

10.º – Manuel Andrade Neto

1.º Concurso da Mostra de Vinhos – Brancos

1.º – Quinta do Monte Alegre

2.º – Casa Ermelinda Freitas

3.º – Adega do Canivete

Prémio Escolha do Público

António José Nobre Sobral

Economia

II Energy & Climate Summit, em Sines.

Ao longo do próximo ano, o Projeto GUARDIÕES vai promover ainda três conferências, nomeadamente a 20 e 21 de outubro, em Beja, a 26 e 27 de janeiro 2023, em Évora, e a 22 e 23 abril 2023, em Portalegre.

Publicado

em

ENERGIA E FUNDO DE TRANSIÇÃO JUSTA DEBATIDOS EM SINES

Após o encerramento da central termoelétrica a carvão e o anúncio de novos investimentos sustentáveis, Sines recebe a II Energy & Climate Summit.

A iniciativa conta com a participação de João Galamba, Secretário de Estado do Ambiente e da Energia, e Isabel Ferreira, Secretária de Estado do Desenvolvimento Regional, para debater o tema da Energia e Fundo de Transição Justa.

Nos próximos dias 2 e 3 de junho realiza-se no Centro de Artes de Sines a conferência subordinada ao tema da Energia.

A iniciativa decorre no âmbito do Projeto GUARDIÕES, promovido pelo Instituto Politécnico de Portalegre (IPP), em parceria com o Fórum da Energia e Clima (FEC) e com a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo (CCDRA).

O evento conta com a presença de João Galamba, Secretário de Estado do Ambiente e da Energia, e Isabel Ferreira, Secretária de Estado do Desenvolvimento Regional, bem como de diversos especialistas do setor privado e investigadores para debater as melhores práticas e as inovações nas áreas da energia solar e eólica, armazenamento de energia, hidrogénio e gases renováveis, e o fundo para a transição justa.

“O momento que vivemos, entre o fecho das centrais a carvão e a urgência de acelerar a penetração da energia solar, hidrogénio e gases renováveis é também um momento de grande potencial transformador para a economia portuguesa”, afirma Ricardo Campos, Presidente Fórum da Energia e Clima.

De acordo com o responsável, “estamos finalmente a aproveitar a posição geoestratégica de Sines e de Portugal, onde com energia renovável e mais barata podemos atrair investimento e criar um novo ecossistema de inovação, de especialização em indústrias de economia verde, de fixação de emprego e de crescimento do PIB do nosso país.

Sines pode ser uma nova capital de desenvolvimento do país”, sendo por isso importante “também criar projetos-piloto que estimulem a criação de novos serviços e empresas com uma ligação profunda com o sistema de ensino e conhecimento”.

Para Luis Loures, presidente do Instituto Politécnico de Portalegre, “esta segunda conferência adquire uma relevância determinante no contexto da alterações climáticas, transição enérgica e da descarbonizarão, sendo que a sua realização em Sines conta com a participação ativa do Politécnico de Portalegre, instituição de ensino, investigação e formação, que ao longo das últimas décadas tem vindo a trabalhar sobre estas temáticas, contribuindo ativamente para a definição de soluções para os desafios que as novas gerações e o planeta exigem”.

O responsável acrescenta ainda que “esta conferência, além dos aspetos da transição energética, centra-se também no debate do Fundo para a Transição Justa, o que permitirá focar a atenção das instituições regionais e nacionais em torno de temáticas cruciais ao nível do desenvolvimento sustentável da região Alentejo”.

Ao longo do próximo ano, o Projeto GUARDIÕES vai promover ainda três conferências, nomeadamente a 20 e 21 de outubro, em Beja, a 26 e 27 de janeiro 2023, em Évora, e a 22 e 23 abril 2023, em Portalegre.

Continuar a ler

Agenda

Rota das Tascas regressa a Grândola

Arranca a 4 de junho com petiscos à mesa e muita animação musical.

Publicado

em

Rota das Tabernas

Começa a 4 de junho com petiscos à mesa e muita animação musical

A 26ª edição da iniciativa, interrompida nos últimos dois anos devido às restrições impostas pela pandemia da Covid 19, vai decorrer aos fins de semana de 4 a 25 de junho, em cinco tabernas do nosso concelho.

O evento promovido pelo Município de Grândola tem início no dia 4, na Casa Mostra de Produtos Endógenos, onde serão servidos coelho à São Silvestre, cogumelos com Vinho do Porto, salada de polvo, miolos com carne de vinha d’alhos e uma açorda surpresa.

No dia 9, a Rota segue para a Aldeia Mineira do Lousal.

O Café da Mina apresenta duas sugestões de pão torrado: com tomate e orégãos ou com manteiga e alho; cogumelos salteados com alecrim, queijos e enchidos, linguiça assada, pastéis de bacalhau, e cachola de borrego.

No dia 10, é a vez de A Venda, na Silha do Pascoal, receber o evento.

Em cima da mesa vão estar cachola de porco, açorda de beldroegas e javali.

No dia 11 de junho, a Taberna dos Mosqueirões volta a abrir as suas portas para mais uma noite de convívio à mesa.

Torresmos do rissol, bacalhau assado com pimentos, carne de porco com grão e frango em molho são as sugestões desta taberna.

O Café Ruas, em Azinheira dos Barros, é a taberna anfitriã no dia 18.

Da ementa fazem parte: orelha de coentrada, torresmos do rissol, salada de polvo, choco frito e carne de porco com miolos fingidos.

A Rota das Tabernas termina no dia 25 de junho nas Sobreiras Altas. Aderente do evento nas últimas edições, A Taberna apresenta na sua ementa: torresmos, carnes de coentrada, sopa de cação e galinha acerejada com migas de batata.

Continuar a ler

x
error: O conteúdo está protegido!!